sicnot

Perfil

País

Dois mortos em carro que caiu no rio Tejo na zona de Santa Apolónia, Lisboa

Dois mortos é o resultado da queda de um carro, esta madrugada, no rio Tejo, numa zona próxima da estação de comboios de Santa Apolónia, disse à agência Lusa o comandante do Porto de Lisboa.

REUTERS

O alerta foi dado cerca das 3:22 da manhã por um grupo de jovens, que testemunhou no local que um carro de matrícula portuguesa tinha caído ao rio, disse à Lusa o comandante Cruz Gomes.

O acidente ocorreu na Rua da Cintura do Porto de Lisboa.

Cruz Gomes adiantou ainda que as vítimas mortais são um homem e uma mulher "que aparentam ter 50 anos de idade".

O comandante do Porto de Lisboa explicou que por volta das 3:00 da manhã, um grupo de jovens comunicou à PSP, na zona de Santa Apolónia, que tinha visto um carro a cair ao rio.

A Capitania deslocou para o local uma embarcação da Polícia Marítima e, com o apoio dos mergulhadores dos Sapadores Bombeiros, verificou a existência de uma viatura dentro de água com duas pessoas a bordo.

"Como a viatura estava no lodo, não foi possível retirá-la imediatamente. E, com o apoio da embarcação da Administração do Porto de Lisboa retirámos a viatura e os corpos, como estiveram muito tempo imersos, já foram retirados sem vida", disse Cruz Gomes.

Segundo o comandante, a Polícia Judiciária já se encontra no local a efetuar perícias ao veículo de matrícula portuguesa.

  • Fuzileiros continuam no terreno a ajudar população
    3:03
  • Família Obama de férias na Indonésia

    Mundo

    Das águas claras de Bali aos encantos dos templos de Java, o antigo Presidente norte-americano Barack Obama levou a esposa e as filhas de férias numa aventura de (re)descobertas por um país onde Obama viveu durante quatro anos da sua infância.

    SIC

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44
  • Desacatos no aeroporto de Faro deixam turistas britânicos em terra
    1:46

    País

    Cinco pessoas, que integravam o grupo de turistas britânicos que nos últimos dias causou desacatos em Albufeira, foram ontem impedidas de regressar a Inglaterra. Agressões no aeroporto e desacatos à entrada do avião levaram os comandantes de dois voos a recusar levar aqueles passageiros.