sicnot

Perfil

País

Autarcas do Porto e Gaia marcam arranque de São João com encontro na ponte Luiz I

Os autarcas do Porto e de Gaia marcaram hoje o arranque da festa popular de São João com um encontro a meio da ponte Luiz I, brindando com vinho do Porto a uma "grande região". 

Paulo Duarte

"Existe uma excelente relação entre o Porto e Vila Nova de Gaia, fazendo as divergências parte do passado", disse o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira.

O autarca do outro lado da margem do rio Douro, Eduardo Vítor Rodrigues, salientou que "Gaia não seria forte sem um Porto forte e o Porto não seria forte sem uma Gaia forte".

O independente Rui Moreira foi comer as tradicionais sardinhas ao Centro Social do Barredo, junto ao elevador da Lada, a acompanhar vereadores, presidentes da junta, o autarca de Faro Rogério Bacalhau e embaixadores dos EUA e de França.

À semelhança do que aconteceu em 2014, a Câmara de Gaia promoveu uma sardinhada num espaço do Cais de Gaia onde, entre os convidados, está o líder do PS, António Costa.

"Se quiseres comer sardinha boa é ali na Coreia do Norte", disse, em tom de brincadeira, Rui Moreira ao autarca de Gaia. 

Na resposta, o socialista Eduardo Vítor Rodrigues frisou que a sardinha é boa "em todo o lado" e que a região norte tem "muita a ganhar" quando as duas cidades se juntam. 

No conjunto, os autarcas esperam uma noite "longa, divertida, alegre e feliz", concordando ser um momento de "grande atração turística".

Nesta festa popular, com o Porto a oferecer um concerto de José Cid e Gaia a apresentar a fadista Mariza, as cidades unem-se às 00:00 com fogo-de-artifício, produção conjunta dos dois municípios de cerca de um quarto de hora de espetáculo de luz e som, cujo investimento rondou os 50 mil euros.

"Nesta noite, as pessoas sentem que estão em comunhão", frisaram os autarcas.

Os bailes e arraias populares e espontâneos podem ser apreciados um pouco por todo o lado.






Lusa
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser "derrotada como todos os outros"

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • António Guterres, "o governante mais amado desde sempre em democracia"
    2:27

    País

    António Guterres foi distinguido com o grau de honoris causa pela Universidade de Lisboa. A cerimónia decorreu esta manhã e contou com a presença do Presidente da República e do primeiro-ministro. Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou que Guterres foi o governante mais amado da democracia portuguesa.