sicnot

Perfil

País

Ministra diz que ninguém entenderia que magistrados tivessem aumentos de 40%

Ministra diz que ninguém entenderia que magistrados tivessem aumentos de 40%

A ministra da Justiça afirma que não tem nenhuma guerra com os sindicatos e que, se alguma coisa mudou, foi a atuação das atuais direções. À saída do plenário da Assembleia da República, Paula Teixeira da Cruz comentou assim o corte de relações institucionais, anunciado pela Associação Sindical dos Juízes Portugueses e pelo Sindicato dos Magistrados do Ministério Público. Para a ministra, ninguém entenderia que os magistrados tivessem aumentos na ordem dos 40%.

  • Sindicato do Ministério Público deixa fortes críticas à ministra da Justiça
    0:50

    País

    O Sindicato dos Magistrados do Ministério Público disse esta sexta-feira, em conferência de imprensa, que já não é possível aprovar a reforma do estatuto profissional. Para os representantes da classe, a ministra eclipsou-se, tendo cortado unilateralmente o diálogo depois de ter sido feita uma reunião, há mais de um mês. O presidente do sindicato, António Ventinhas, pede ainda explicações ao primeiro-ministro. Recorde-se que o braço de ferro entre o Ministério e os magistrados do Ministério Público teve já vários episódios, com acusações da ministra, em que dizia que a principal preocupação era a da tabela salarial.

  • Juízes cortam relações com ministra da Justiça
    1:13

    País

    A Associação Sindical dos Juízes acaba de cortar relações com a ministra da Justiça. Em causa está a revisão do estatuto dos magistrados.A ministra diz que exigiam ordenados exorbitantes. Os juízes respondem que Paula Teixeira da Cruz está a faltar à verdade.

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

    Em desenvolvimento

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lages
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes. Os passageiros desembarcaram, como registou no Twiiter um jornalista da Al-Jazzera que seguia a bordo. Segundo este depoimento, uma pessoa foi levada para o hospital com problemas cardíacos.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.