sicnot

Perfil

País

Subida gradual da temperatura até terça-feira

As temperaturas vão subir uma média de 2/4 graus por dia entre sexta-feira e terça-feira, devendo no fim de semana ultrapassar os 40 graus no Alentejo, disse à agência Lusa a meteorologista Ângela Lourenço.

© Neil Hall / Reuters

"As previsões para os próximos dias, para o território do continente e arquipélago da Madeira, são de subida gradual da temperatura, que vai persistir até dia 30 de junho. Os valores mais significativos dessa subida serão nas regiões do interior, especialmente no Alentejo, que vai registar os valores mais elevados, acima dos 40 graus", adiantou.

De acordo com a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), entre sexta-feira e terça-feira da próxima semana as temperaturas máximas vão subir uma média de 2/4 graus por dia.

"Para sábado, estamos a prever para Beja e Évora temperaturas já próximas dos 40 graus, sendo que em alguns locais destes distritos do Alentejo poderão registar-se valores acima dos 40 graus", avançou, acrescentando que estes valores vão manter-se até segunda-feira.

Ângela Lourenço explicou à Lusa que comparativamente com o episódio de tempo quente do fim de semana passado, os próximos dias vão ser quentes, mas com algumas diferenças nas regiões do litoral.

"O litoral norte e centro, como seja Porto, Leiria, Braga e mesmo Lisboa vão estar mais salvaguardados com uma subida menos acentuada. Os valores mesmo assim vão situar-se entre 30 e 35 graus. Apesar disto, o tempo quente vai notar-se menos. O vento vai soprar fraco e junto às praias existirá sempre um efeito de brisa, em particular na costa ocidental, nas praias a sul do Cabo Carvoeiro", salientou.

A meteorologista alertou ainda para a previsão para os próximos quatro dias de uma subida das temperaturas mínimas.

"Em algumas regiões do sul irão registar-se valores acima dos 20 graus. Vamos ter 'noites tropicais' e, em particular, nos distritos de Faro, Évora Beja e pontualmente Portalegre, Castelo Branco", concluiu.


Lusa
  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.