sicnot

Perfil

País

Interior e Alentejo sob aviso laranja devido ao calor

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje sob aviso laranja seis distritos de Portugal continental devido à "persistência de valores elevados da temperatura máxima".

PAULO CUNHA

Segundo informação disponível no 'site' do IPMA estão sob aviso laranja os distritos de Bragança, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja.

Os distritos de Bragança e Guarda vão estar sob aviso laranja até às 20:00 de terça-feira, enquanto os de Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja ficam sob o mesmo aviso até às 20:00 de segunda-feira.

Também devido ao tempo quente estão sob aviso amarelo os distrito de Vila Real, Viseu, Santarém, Lisboa, Setúbal e Faro.

Na Madeira, estão igualmente sob aviso amarelo a ilha do Porto Santo e a costa norte da ilha, refere o IPMA. 

O aviso laranja é o segundo mais grave numa escala de quatro e implica uma situação meteorológica de risco moderado a elevado. Já o aviso amarelo é o terceiro mais grave e implica uma situação de risco para determinadas atividades que dependem do estado do tempo.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para hoje tempo quente com céu geralmente limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade até meio da manhã no litoral da região Norte.  O vento estará em geral fraco do quadrante oeste, soprando moderado de noroeste no litoral oeste, em especial a sul do Cabo Carvoeiro e durante a tarde.

Para os Açores, no grupo ocidental, o IPMA prevê períodos de céu muito nublado com abertas, tornando-se encoberto, e períodos de chuva fraca a partir da noite, passando a aguaceiros fracos.   No grupo central, as previsões apontam para céu geralmente muito nublado, com períodos de chuva fraca.

No grupo oriental estão previstos períodos de céu muito nublado, com abertas ao longo do dia.

Para a Madeira, o IPMA prevê períodos de céu muito nublado, apresentando-se geralmente pouco nublado nas zonas montanhosas e nas vertentes sul.

As temperaturas máximas previstas para hoje são 33 graus celsius em Lisboa, 31 em Faro, 23 no Porto, 43 em Beja, 41 em Évora, 40 em Portalegre e Castelo Branco, 25 no Funchal e 24 em Ponta Delgada.

Com Lusa
  • Ronaldo terá colocado milhões de euros nas Ilhas Virgens britânicas
    4:15

    Desporto

    José Mourinho e Cristiano Ronaldo são apenas dois dos nomes da maior fuga de informação na história do desporto. A plataforma informática Football Leaks forneceu milhões de documentos à revista alemã Der Spiegel, entre os quais documentos que indicam que o capitão da seleção nacional terá colocado milhões de euros da publicidade nas Ilhas Virgens britânicas. Os dados foram analisados por um consórcio de 60 jornalistas, do qual o Expresso faz parte, numa investigação que pode ler este sábado no semanário.

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.