sicnot

Perfil

País

Helicóptero de combate a incêndios cai perto de Cavaleiros, Paços de Ferreira

Um helicóptero de combate a incêndios caiu por volta das 13:00 perto da localidade de Cavaleiros, em Paços de Ferreira. O aparelho despenhou-se quando estava a abastecer de agua numa lagoa. Os bombeiros estão neste momento a assistir o piloto, que era o único ocupante deste helicóptero de combate aos fogos. Fonte da Proteção Civil de Paços de Ferreira afirmou que o acidente provocou um ferido ligeiro e adiantou que foi transportado para o Hospital de S. João, no Porto.

O helicóptero de combate a incêndios caiu nesta lagoa onde tentava abastecer

O helicóptero de combate a incêndios caiu nesta lagoa onde tentava abastecer

Carlos Seabra/ SIC

Google Maps

Em declarações à Lusa, o comandante operacional distrital do Porto, Carlos Alves, disse que o helicóptero ligeiro continuava, antes das 14:00, submerso na lagoa onde estava a reabastecer-se de água, estando o piloto "consciente, orientado" e sem apresentar qualquer tipo de lesão grave. 

Fonte dos Bombeiros Voluntários de Freamunde disse que o alerta foi dado às 13:25.

O helicóptero estava a reabastecer-se para prestar apoio num incêndio que está a ser combatido em Sanfins, disse à Lusa a mesma fonte dos bombeiros.

Com Lusa
  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52