sicnot

Perfil

País

Sindicato dos Pilotos vai hoje a votos

Os cerca de 1.600 sócios do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) começam hoje a votar para escolher, até sexta-feira, uma nova direção, de entre três listas, oito meses e meio após as últimas eleições. 

© Guillermo Granja / Reuters

De acordo com a convocatória da assembleia-geral eleitoral, as mesas de voto vão funcionar nas tardes dos cinco dias agendados, na sede do SPAC, enquanto as urnas para os votos por correspondência vão estar, nos mesmos dias, no aeroporto de Lisboa.

As eleições foram convocadas há um mês, imediatamente após a renúncia do presidente do SPAC, Manuel Santos Cardoso, e vão ser disputadas por três listas: a F, a A e a P.

A lita F é liderada por Carlos Damásio, a A por David Paes e a P por Daniel Paula.

Segundo fonte do SPAC, apenas um dos elementos da atual direção se recandidata, no âmbito da lista A.

As últimas eleições também foram disputadas por três listas, uma das quais de continuidade da anterior direção, mas nenhum desses elementos se apresenta agora a votos.  

Manuel Santos Cardoso, que foi eleito em outubro e iniciou em meados de novembro o mandato de dois anos, renunciou ao cargo depois da greve de dez dias dos pilotos (entre 01 e 10 de maio) ter dividido a classe. 

A direção do SPAC que for eleita esta semana deverá tomar posse a 07 de julho e iniciar funções no dia seguinte.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19