sicnot

Perfil

País

Sindicato dos Pilotos vai hoje a votos

Os cerca de 1.600 sócios do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) começam hoje a votar para escolher, até sexta-feira, uma nova direção, de entre três listas, oito meses e meio após as últimas eleições. 

© Guillermo Granja / Reuters

De acordo com a convocatória da assembleia-geral eleitoral, as mesas de voto vão funcionar nas tardes dos cinco dias agendados, na sede do SPAC, enquanto as urnas para os votos por correspondência vão estar, nos mesmos dias, no aeroporto de Lisboa.

As eleições foram convocadas há um mês, imediatamente após a renúncia do presidente do SPAC, Manuel Santos Cardoso, e vão ser disputadas por três listas: a F, a A e a P.

A lita F é liderada por Carlos Damásio, a A por David Paes e a P por Daniel Paula.

Segundo fonte do SPAC, apenas um dos elementos da atual direção se recandidata, no âmbito da lista A.

As últimas eleições também foram disputadas por três listas, uma das quais de continuidade da anterior direção, mas nenhum desses elementos se apresenta agora a votos.  

Manuel Santos Cardoso, que foi eleito em outubro e iniciou em meados de novembro o mandato de dois anos, renunciou ao cargo depois da greve de dez dias dos pilotos (entre 01 e 10 de maio) ter dividido a classe. 

A direção do SPAC que for eleita esta semana deverá tomar posse a 07 de julho e iniciar funções no dia seguinte.

  • Governo quer aumentar fiscalização a baixas fraudulentas
    1:10

    País

    O Governo quer criar uma bolsa de médicos para fiscalizar quem recebe o subsídio por doença. A intenção foi manifestada à TSF pela secretária de Estado da Segurança Social. Em 2016 foram detetados mais de 56 mil trabalhadores com baixa médica que afinal estavam aptos para trabalhar.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.