sicnot

Perfil

País

Dois funcionários dos Serviços Prisionais detidos por cime de corrupção

A Polícia Judiciária deteve em Bragança dois funcionários dos Serviços Prisionais fortemente indiciados pela prática do crime de corrupção. Um homem e uma mulher de 59 e 60 anos são suspeitos de obter vantagens diversas por parte de reclusos em troca do acesso ao chamado RAVI, o regime aberto ao exterior.  

Foram detidos pela Unidade de Investigação Criminal da PJ de Vila Real depois de vários meses de investigação.  Vão agora ser presentes a Tribunal para aplicação de eventuais medidas de coação.