sicnot

Perfil

País

FC Porto confirma buscas a instalações do clube e morada de Antero Henrique

O FC Porto confirmou esta quinta-feira que as instalações do clube e a "morada do vice-presidente Antero Henrique" foram "objeto de buscas" no âmbito de uma investigação "relacionada com a atividade da empresa de segurança" que presta serviços ao clube.

(Arquivo)

(Arquivo)

PAULO DUARTE / AP

Em comunicado publicado na sua página na internet, o clube afirma-se "inteiramente disponível para colaborar com a justiça".

"No âmbito de uma operação de investigação relacionada com a atividade da empresa de segurança que presta serviços ao nosso clube, o FC Porto informa que foi objeto de buscas nas suas instalações, bem como na morada do seu vice-presidente Antero Henrique", pode ler-se.

Quinze pessoas foram detidas e 50 buscas foram realizadas em diversos locais do país numa investigação relacionada com atividades ilícitas de empresas de segurança privada em estabelecimentos de diversão noturna, revelou hoje a Procuradoria-geral da República.

Segundo adianta a PGR, na "Operação Fénix", a cargo do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), existem suspeitas de associação criminosa, de exercício ilícito da atividade de segurança privada, de detenção de arma proibida, de extorsão agravada, de coação, de ofensas à integridade física qualificada e de favorecimento pessoal.

Entretanto, a PSP anunciou que foram apreendidas 40 armas, cerca de 121 mil euros, 10 viaturas e munições de diversos calibres.

Além de viaturas automóveis, dinheiro e armas, foi ainda apreendida documentação, tendo na operação o Ministério Público sido coadjuvado pela PSP, nomeadamente por elementos da Unidade Especial de Polícia e dos Comandos Distritais de Aveiro, Braga, Viseu e GNR.

A PGR refere que das 15 detenções, 13 resultaram do cumprimento de mandados de detenção fora de flagrante delito e duas em flagrante delito.

As 50 buscas - domiciliárias e não domiciliárias - ocorreram em diversas áreas do país, designadamente Lisboa, Porto, Amarante, Lamego, Braga, Vila Real, Lousada.

Os detidos serão apresentados na sexta-feira no Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC) para interrogatório e aplicação de medidas de coação.

Lusa

  • Empresas de segurança sob investigação, Antero Henrique alvo de buscas
    1:10

    País

    Está em marcha uma grande operação de investigação a empresas de segurança. As buscas lideradas pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal envolvem centenas de elementos da PSP e da GNR. Em causa estarão suspeitas de crimes de extorsão, associação criminosa, tráfico de droga e ofensas à integridade física. O vice-presidente do FC Porto Antero Henrique foi um dos alvos das buscas.

  • "Cada drama, cada problema, cada testemunho, impressiona muito"
    1:55
  • Clínica veterinária em Tondela recebeu dezenas de animais feridos nos fogos
    2:57
  • Temperaturas sobem até ao final do mês
    1:09

    País

    O tempo não dá tréguas e, até ao final do mês, as temperaturas vão atingir valores acima do normal para esta época do ano. As temperaturas máximas vão subir entre os 25 e os 32 graus. O risco de incêndio aumenta a partir desta segunda-feira em todo o país e os meios aéreos, viaturas, operacionais e equipas de patrulha vão ser reforçados.

  • Parlamento catalão vai responder à ativação do artigo 155
    1:54
  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • 245 saltam de ponte de 30m no Brasil para Recorde do Guiness
    1:56
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.