sicnot

Perfil

País

Risco de incêndio de muito elevado a máximo em regiões do interior

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou hoje para o risco de incêndio florestal, de muito elevado a máximo, no Interior de Portugal continental, onde são esperadas temperaturas máximas superiores a 35ºC, na quarta e quinta-feira.

(Arquivo)

(Arquivo)

SIC

Num aviso dirigido à população, a ANPC aponta o tempo seco e vento moderado, por vezes forte, como condições favoráveis para a eventual deflagração e propagação de fogos florestais nos próximos dois dias.

A ANPC precisa que a humidade relativa do ar esperada no interior será inferior, de dia, a 20 por cento e, de noite, não ultrapassará 40 por cento.

Quanto ao vento, será moderado no Litoral e pontualmente forte nas terras altas das regiões Norte e Centro, entre o final do dia de quarta-feira e a manhã de quinta-feira.

Na nota, a Autoridade Nacional de Proteção Civil lembra que, de acordo com a lei, não é permitida a realização de queimadas, fogueiras para recreio e lazer ou para confeção de comida, assim como fumar e fazer lume em zonas florestais e caminhos ou estradas que os circundem, lançar foguetes e balões com mecha acesa e usar equipamentos de queima e combustão para cozinhar alimentos ou iluminar.

A fumigação ou a desinfestação em apiários só pode ser efetuada com fumigadores que estejam equipados com "dispositivos de retenção de faúlhas". As máquinas utilizadas nas atividades agrícola e florestal devem ser mantidas limpas de óleos e poeiras e ser abastecidas "a frio em local com pouca vegetação".

Segundo as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, disponíveis no seu portal, os distritos mais quentes serão, na quarta-feira, Portalegre (37ºC), Castelo Branco, Évora e Beja (38ºC).

Na quinta-feira, com temperaturas esperadas acima dos 35ºC, estarão Bragança, Vila Real, Viseu (36ºC), Évora, Beja (38ºC), Castelo Branco e Portalegre (39ºC).

Lusa

  • Novo dia de protestos contra expropriações na ilha do Farol
    2:30

    País

    A sociedade Polis Ria Formosa concluiu a tomada de posse das construções identificadas como ilegais na ilha do Farol, na Ria Formosa, em Faro. No segundo dia da operação, sob fortes protestos da população, os técnicos da Polis, escoltados pela Polícia Marítima, expropriaram hoje mais 18 construções.

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira