sicnot

Perfil

País

Número de mortos nas estradas está a aumentar

Número de mortos nas estradas está a aumentar

O número de mortes na estrada está a aumentar desde o início do ano. A tendência de aumento de sinistralidade compromete a estratégia de segurança rodoviária, cujo objetivo era colocar Portugal no top 10 dos países com menor número de mortes na estrada. Os acidentes ocorridos este fim de semana são mais um sinal de alerta.

  • Motorista do autocarro que se despistou na A2 ter-se-á sentido mal
    2:21

    País

    O motorista do autocarro que ontem se despistou na A2 ter-se-á sentido mal minutos antes do acidente. O homem, com experiência na profissão, foi um dos feridos ligeiros tratados no Hospital de Beja, tendo já sido transferido para o hospital da zona de residência. O despiste e capotamento fez três mortos e 17 feridos. Seis permanecem internados.

  • Rui Vitória não espera facilidades frente ao Tondela
    1:34

    Desporto

    O líder do campeonato, o Benfica, recebe este domingo o último classificado, o Tondela. Na conferência de antevisão do encontro, Rui Vitória afirmou que não espera facilidades. O treinador do Benfica falou ainda de Sebastian Coates.

  • O primeiro dia de Donald Trump na Casa Branca
    3:05
  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.