sicnot

Perfil

País

Homem que atropelou 13 pessoas em Portimão aguarda julgamento em liberdade

O homem que atropelou 13 pessoas na madrugada de domingo na Praia da Rocha, em Portimão, no Algarve, vai aguardar julgamento em liberdade, disse à Lusa fonte ligada ao processo.

Lusa

O homem, de 25 anos, foi ouvido durante a tarde em primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de apresentações periódicas às autoridades policiais.

Em declarações à Lusa, o advogado do arguido, revelou que o homem "está indiciado por um crime de condução sem habilitação legal, incorrendo ainda numa contraordenação por condução sob efeito do álcool, após ter sido registada uma taxa de 0,7 gramas por litro de sangue".

O advogado Padilha de Brito, acrescentou que o seu constituinte "não tem antecedentes criminais, e que está a frequentar aulas de condução, alegando perante o juiz a falta de travões da viatura".

"Ele disse que assustado pela interpelação da polícia, tentou travar mas que não conseguiu", indicou o advogado.

"Irei pedir uma peritagem às condições técnicas do veículo para se aferir de alguma irregularidade", sustentou o causídico.

De acordo com a PSP de Portimão, o homem entrou na sua viatura junto à discoteca Katedral, na Praia da Rocha, tendo atropelado as 13 pessoas enquanto se dirigia até à estrada principal da localidade.

Os 13 feridos foram assistidos no local e depois transportados de ambulância até à unidade hospitalar de Portimão, que pertence ao Centro Hospitalar do Algarve, onde dois deles foram considerados feridos graves mas sem perigo de vida.

Lusa

  • Novas imagens dos momentos após Khalid Masood ter embatido no muro do Parlamento britânico
    1:35
  • Parlamento português pede demissão de Dijsselbloem

    País

    A Assembleia da República foi hoje unânime na condenação das polémicas declarações do presidente do Eurogrupo, mas recusou um ponto pela rejeição de diversos compromissos com a União Europeia (UE) exigida pelo PCP.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • Como se resolve a falta de espaço numa cidade chinesa?
    1:07