sicnot

Perfil

País

Buscas e duas detenções por suspeitas de desvio de subsídios

Está a decorrer uma operação da Policia Judiciária e Ministério Publico na zona da Grande Lisboa. Foram já feitas cerca de 20 buscas a empresas do grupo Lena. Dois empresários foram detidos, um deles pertence a este grupo empresarial. Em causa estão crimes de fraude na obtenção de subsídios e branqueamento de capitais.

A operação da PJ é dirigida pelo Departamento Central de investigação e Ação Penal e conta com a colaboração da Autoridade Tributária.

Presidem a algumas das buscas os dois juízes do Tribunal Central de Instrução Criminal.

Em comunicado, a Polícia Judiciária confirma a "detenção de duas pessoas pela presumível prática dos crimes de fraude na obtenção de subsídio e de branqueamento". Os detidos têm 50 e 54 anos de idade e "serão presentes às Autoridades Judiciárias competentes a fim de serem sujeitos a primeiro interrogatório judicial".

A nota adianta que "a investigação centra-se na atividade desenvolvida através de empresas portuguesas e espanholas, que obtiveram, de forma fraudulenta, subsídios de elevados montantes". O Estado terá sido prejudicado em "vários milhões de euros".

Esta operação em nada está ligada à operação Marquês.

  • Protestos e violência no Rio de Janeiro
    1:08
  • Marcelo diz que a Europa precisa de paixão
    2:36
  • Cogumelos alucinogénios entre as drogas mais seguras

    Mundo

    Os cogumelos alucinogénios são considerados uma das drogas mais seguras, quando consumidos para fins recreativos. A conclusão é avançada no Global Drug Survey, um estudo anual divulgado esta quarta-feira sobre os hábitos de consumo de drogas de quase 120 mil pessoas em 50 países.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.