sicnot

Perfil

País

PJ deteve casal estrangeiro por abuso de menor e tráfico de seres humanos

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta quarta-feira a detenção de um casal de estrangeiros, residente em Ovar, suspeito de abusar sexualmente de uma menor de 17 anos e de a obrigar a praticar furtos.

Desde 1998 (ano em que o serviço foi criado) já chegaram mais 116 mil situações à Linha. Em 2014, recebeu 5799 novas situações. (Arquivo)

Desde 1998 (ano em que o serviço foi criado) já chegaram mais 116 mil situações à Linha. Em 2014, recebeu 5799 novas situações. (Arquivo)

SIC

Segundo um comunicado da PJ, os arguidos estão "fortemente" indiciados pela prática dos crimes de tráfico de seres humanos, abuso sexual de criança, maus tratos e falsificação de documentos.

A vítima é uma rapariga que terá sido retirada contra a sua vontade do seu seio familiar quando tinha apenas 12 anos, vindo a ser obrigada a viver uma relação marital.

Segundo a PJ, os suspeitos contaram com a cumplicidade da mãe da criança, que terá recebido uma quantia monetária para o efeito.

No mesmo comunicado, a PJ refere que a criança terá já vivenciado anteriormente um outro episódio de vitimização, quando tinha apenas dez anos, tendo sido entregue em circunstâncias semelhantes a uma outra família que a transportou para um outro país.

A criança terá sido então submetida durante um ano à prática da mendicidade forçada e terá sido forçada igualmente a manter uma relação marital contra a sua vontade, vindo a ser depois restituída à progenitora.

"Em Portugal, a menor tinha a seu cargo toda a lide doméstica da casa, incluindo zelar pelos cuidados de cinco filhos menores dos suspeitos, para além de ser por estes obrigada a praticar furtos em alguns estabelecimentos comerciais", refere o comunicado.

Ainda de acordo com os investigadores, a não concretização dos furtos que lhe eram solicitados, ou o não cumprimento atempado de todas as tarefas domésticas de que era incumbida, tinham como consequência o espancamento da menor com um bastão, um instrumento de agressão que veio a ser apreendido pela Polícia.

Os detidos, de 36 e 37 anos, sem atividade profissional conhecida, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Lusa

  • Libertados suspeitos de rapto e abuso sexual de menor em Almada
    1:49

    País

    Os três jovens que estavam em prisão preventiva, por suspeitas de rapto e abuso sexual de uma adolescente, em Almada, foram esta quarta-feira libertados. A jovem terá sido atacada duas vezes, no espaço de um ano, por colegas de escola. O caso está em julgamento e foi o próprio Ministério Público a propôr uma medida de coação menos grave, por entender que faltam provas dos crimes mais graves.

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.