sicnot

Perfil

País

Educação em Portugal é teórica, com muitos exames e pouco flexível

O docente universitário e especialista em ensino da matemática Jaime Carvalho e Silva considerou hoje em Coimbra que a educação em Portugal é "muito teórica", com demasiados exames, pouco flexível e com um sistema feito "à base do remendismo".

Em Portugal, "não há planos, nem há ideias. As medidas são tomadas de forma avulsa, sem que haja uma visão global das competências que um aluno deve ter no fim do ensino secundário", disse à agência Lusa Jaime Carvalho e Silva, coordenador do projeto de investigação "Comparação dos exames nacionais em Portugal com os de 12 outros países".

O docente da Universidade de Coimbra apontou para a necessidade de um trabalho de monitorização do sistema educativo, para que haja um plano coerente e reformas baseadas nesse acompanhamento, apontando como exemplo o caso de Singapura, país que será tema de debate no sábado, numa conferência do projeto, a ter lugar no Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, às 10:00.

A Singapura, "que está nos primeiros lugares" nos programas internacionais de avaliação de alunos, tem um instituto independente do Ministério da Educação que monitoriza o sistema, levando a que, de seis em seis anos, os novos programas sejam feitos "com base nessa monitorização", explanou Jaime Carvalho e Silva.

"Aqui, todo o sistema educativo é à base do remendismo. É tudo feito à pressa, sem que haja um retrato do sistema, com dados dispersos e sem se saber o que aprendem efetivamente os alunos", criticou.

Apesar de o sistema singapurense "ter as suas falhas", está "centrado no aluno", os programas "são pouco teóricos" e é "muito mais flexivo e permeável" do que o português, permitindo ao aluno mudar de trajetória com facilidade, apontou.

Já em Portugal, "a utilidade é desprezada na educação", sendo esta "muito teórica" e centrada no professor, sublinhou.

Quanto à flexibilidade do sistema português, Jaime Carvalho e Silva também se mostra crítico, considerando que há muitos alunos a mudar de curso no 10.º ano e na universidade, sem que se encontre "uma maneira de se lidar com isso".

Para o coordenador do projeto, há "demasiados exames em Portugal" e, ao mesmo tempo, "são demasiados estreitos", centrados na matemática e português - "o que quer dizer que só interessam essas duas disciplinas".

O projeto de investigação, financiado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos, começou em janeiro e termina em 2016, analisando os exames e sistemas educativos de Espanha, Irlanda, Canadá, Estados Unidos da América, Holanda, Alemanha, França, Noruega, Coreia do Sul, Singapura, Brasil e Austrália.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.