sicnot

Perfil

País

Fim de semana com céu limpo e temperaturas entre 20 e 35 graus

O fim de semana vai ser marcado pelo céu limpo, apesar da nebulosidade e chuviscos de hoje, e temperaturas que vão oscilar entre os 20 e os 35 graus Celsius, disse à agência Lusa o meteorologista Manuel Mendes.

© Kieran Doherty / Reuters

O meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) explicou que, apesar de estarem previstos aguaceiros para hoje em algumas regiões do país, o fim de semana vai ser marcado por céu limpo e temperaturas máximas que podem chegar aos 35 graus em alguns locais.

"Para hoje vamos ter períodos de céu muito nublado, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros que podem acontecer em todo o interior do território, não sendo de excluir aguaceiros mais a sul e no litoral, podendo chegar a Lisboa. Esta situação poderá ocorrer no sábado, mas a probabilidade é menor", disse à agência Lusa Manuel Mendes.

De acordo com o meteorologista do IPMA, no domingo já não há qualquer indicação de precipitação.

"No que diz respeito às temperaturas, têm vindo a descer nos últimos dois dias, mantendo-se a partir de hoje entre os 20 e os 30 graus no litoral oeste e entre os 30 e os 35 no interior", adiantou.

O meteorologista Manuel Mendes indicou também que, para sábado e domingo, os estado do tempo vai melhorar em relação ao dia de hoje, com céu limpo, prevendo-se apenas alguma nebulosidade na região do norte até ao meio da manhã.

  • Autoridades garantem ter evitado novo ataque terrorista em Londres
    0:59

    Mundo

    A polícia britânica garante que evitou um novo atentado em Londres. Mulher baleada faz parte das oito pessoas que foram detidas numa operação antiterrorista na capital britânica e no sul de Inglaterra. A operação realizou-se após a detenção de um homem com três facas, nas imediações do Parlamento britânico.

  • Polícia espanhola divulga imagens de operação anti-jihadista

    Mundo

    A polícia espanhola divulgou esta sexta-feira novas imagens da operação anti-jihadista levada a cabo na terça-feira em Barcelona. Sabe-se agora que dois dos nove suspeitos detidos podem estar relacionados com a célula terrorista de Bruxelas, responsável pelos ataques no Aeroporto de Zaventem e no metro da capital belga.