sicnot

Perfil

País

"O que quero pedir aos deputados é que nunca calem a divergência"

"O que quero pedir aos deputados é que nunca calem a divergência"

António Costa pediu esta sexta-feira aos deputados socialistas que façam frente às ideias da maioria. Na apresentação dos cabeças de lista do PS às eleições legislativas, o secretário-geral relembrou ainda os últimos quatro anos de dificuldade dos portugueses.

  • "O primeiro-ministro não aprendeu nada com os erros que cometeu"
    1:37

    País

    O líder do PS diz que o primeiro-ministro não tem noção da realidade e está numa espécie de vício do engano. É a reação de António Costa à entrevista de ontem de Pedro Passos Coelho, à SIC.Sobre uma eventual aproximação do PS à coligação de direita, António Costa fala em pesadelo e diz mesmo que os portugueses vivem no terror deste governo manter-se no poder.

  • Costa quer candidato presidencial à altura de Eanes, Soares ou Sampaio
    2:28

    País

    O secretário-geral do PS continua a ser questionado sobre o candidato do partido às presidenciais e continua a remeter o tema para depois das eleições legislativas. Esta manhã em Baião, António Costa disse apenas que o candidato do PS terá de fazer jus aos mandatos desempenhados por Eanes, Soares e Sampaio.

  • Líder do PS defende aposta na descentralização
    1:14

    País

    O secretário-geral do PS defendeu hoje que é importante estabilizar a situação na Grécia, mas preferiu concentrar-se nas questões nacionais. Depois de um encontro com o presidente da Câmara do Porto, António Costa apontou a descentralização como prioridade, caso vença as legislativas.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite