sicnot

Perfil

País

Buscas por mergulhador desaparecido retomadas esta manhã

As operações de busca para encontrar o homem desaparecido segunda-feira no mar na zona de Paço de Arcos, Oeiras, vão ser retomadas hoje pelas 08:00, disse à Lusa fonte da Polícia Marítima.

SIC

De acordo com a mesma fonte, as buscas serão realizadas "por terra e por mar", embora não tenha especificado quantas pessoas vão estar envolvidas na operação.

Um praticante de mergulho está desaparecido desde as 06:00 de segunda-feira, tendo o alerta sido dado cerca das 07:00 por dois amigos que estavam também a mergulhar para a apanha de bivalves.

"O alerta foi dado pelos companheiros de atividade que, à hora marcada para virem à superfície, deram conta de que o outro elemento não apareceu", disse à Lusa o comandante da Polícia Marítima de Lisboa, Malaquias Domingues.

Na segunda-feira foram deslocadas para o local duas embarcações para buscas à superfície junto à margem e mergulhadores. Esteve também envolvido na operação um helicóptero da Força Aérea, durante cerca de uma hora.

As operações de busca por mergulho para encontrar o homem de 36 anos desaparecido foram suspensas pelas 19:15 de segunda-feira.

O caso será remetido para o Ministério Público, por se tratar de um incidente "no qual poderá estar envolvida uma morte, agravado por tratar-se de uma atividade ilícita", já que o homem estava, com dois amigos, a fazer mergulho para a apanha ilegal de bivalves.

Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52