sicnot

Perfil

País

Mergulhador desaparecido em Oeiras encontrado morto no mar

O mergulhador que desapareceu na segunda-feira no mar em Paço d'Arcos, Oeiras, foi encontrado esta terça-feira morto a cerca de 500 metros do local onde foi visto pela última vez.

O caso será remetido para o Ministério Público, não só porque o incidente resultou na morte de uma pessoa, mas também porque os três mergulhadores estavam a praticar uma atividade ilícita ao apanhar bivalves.

O caso será remetido para o Ministério Público, não só porque o incidente resultou na morte de uma pessoa, mas também porque os três mergulhadores estavam a praticar uma atividade ilícita ao apanhar bivalves.

SIC

O corpo do homem, vestido com um fato de mergulho, foi encontrado pelos dois amigos que deram o alerta, cerca das 7:00 de segunda-feira.

Os três estavam dentro de água a apanhar bivalves desde as 6:00 de segunda-feira e o alerta foi dado pelos companheiros quando, à hora marcada para virem à superfície, deram conta de que o amigo, de 36 anos, não aparecia, segundo explicou o comandante da Polícia Marítima de Lisboa, Malaquias Domingues.

Desde segunda-feira foram deslocadas para o local duas embarcações para buscas à superfície junto à margem e mergulhadores e esteve também envolvido na operação um helicóptero da Força Aérea.

O caso será remetido para o Ministério Público, não só porque o incidente resultou na morte de uma pessoa, mas também porque os três mergulhadores estavam a praticar uma atividade ilícita ao apanhar bivalves.

Lusa