sicnot

Perfil

País

Paulo Portas diz que o Governo deve um grande obrigado a Portugal

Entrevista na Íntegra

Paulo Portas diz que o Governo deve um grande obrigado a Portugal

Paulo Portas promete que nos próximos quatro anos não se vai ouvir falar de troika e refere que a próxima legislatura tem de ser mais social. O vice-primeiro-ministro, em entrevista exclusiva à SIC, disse ainda que o Governo deve um enorme obrigado ao País. Portas responsabilizou o Partido Socialista pelo desemprego, argumentando que foi o partido que "trouxe o resgate, o memorando e a recessão a Portugal", e considerou que a criação de postos de trabalho está numa tendência "mais positiva". Paulo Portas garante ter confiança em Pedro Passos Coelho e admite pagar o preço por ter voltado atrás numa decisão irrevogável. Revela ainda ter uma relação bem-disposta com Maria Luís Albuquerque. Questionado sobre a disponibilidade do CDS para um eventual governo com o PS, Portas diz que há obstáculos a separar entendimentos. Um deles é a posição do partido sobre a crise grega.

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.