sicnot

Perfil

País

Ministro garante que em 2015 nenhum centro de saúde fechou

​O ministro da Saúde, Paulo Macedo, disse hoje, em Alvaiázere, no distrito de Leiria, que nenhum centro de saúde encerrou nesta legislatura, mas extensões sim, maioritariamente por reorganização para dar melhores condições aos utentes.

HUGO DELGADO/ LUSA

"Centro de saúde não fechou nenhum, extensões fecharam, designadamente e maioritariamente por reorganização para dar melhores condições às pessoas", afirmou Paulo Macedo, ao ser questionado sobre o número de centros e extensões de saúde encerradas pelo Governo.

Após a inauguração do novo centro de saúde de Alvaiázere, o ministro adiantou que o Governo, de coligação PSD/CDS-PP, conseguiu "abrir dezenas de centros de saúde".

"Há uma coisa que deve ser esclarecida de uma vez por todas, é que para abrirem unidades de saúde familiar, houve que concentrar extensões e, portanto, serviços de saúde com esta dimensão por exemplo e com outros de outra dimensão obrigam, para poderem criar-se unidades de saúde familiar, para dar melhor serviço, precisa de concentrar e, designadamente, fechar extensões", explicou.

O governante destacou o empenho do Executivo, liderado por Passos Coelho, na contratação de médicos, apesar de ainda faltarem, o que vai também suceder no próximo ano.

"Agora, o esforço que tem sido feito pelo Governo de recrutar todos os médicos disponíveis que há no mercado, designadamente de medicina geral e familiar, dando emprego a todos os que acabam o seu curso -- a única situação em que isso acontece em Portugal -- independentemente do esforço financeiro, isso é algo que este Governo fez consecutivamente nestes quatro anos", observou.

Paulo Macedo realçou, também, a contratação de enfermeiros, sendo 2015 "um dos anos em que recrutámos mais enfermeiros de sempre" no país.

"Já recrutámos cerca de 1.100 enfermeiros, iremos até aos 1.500 nos próximos dois meses, três meses e abrimos um concurso para mais mil enfermeiros", declarou, assinalando que, "dentro das restrições em tempos completamente anormais", o Governo não só conseguiu mais recursos para a saúde, como apresenta indicadores de saúde "muitíssimo melhores" desde há quatro anos.

O novo centro de saúde de Alvaiázere, um investimento de 1,3 milhões de euros, permitiu, segundo a presidente da câmara, Célia Marques, criar "condições para prestar melhores cuidados de saúde à população com os níveis de conforto necessários".

Célia Marques adiantou que este espaço vai servir 7.200 utentes, pedindo ao ministro para atender "a uma dificuldade sentida em Alvaiázere e em muitos territórios de baixa densidade", a falta de médicos e de administrativos.

"Torna-se necessário um reforço da discriminação positiva destes territórios para que os profissionais de saúde se sintam atraídos e queiram exercer a sua profissão aqui", apelou a autarca, que entregou uma unidade móvel aos serviços de saúde "para ir ao encontro daqueles que, por motivos de saúde ou outros, não possam deslocar-se" ao edifício.

A deslocação de Paulo Macedo a Alvaiázere inclui a visita às instalações da Unidade de Cuidados Continuados Integrados da Misericórdia local e uma homenagem ao benemérito José Mendes de Carvalho.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.