sicnot

Perfil

País

Estado paga mais 3,6 M€ no próximo ano letivo por turmas no privado

O próximo ano letivo vai arrancar com mais 656 turmas no privado, cujos encargos são pagos pelo Estado. A informação avançada pelo Jornal de Notícias indica que a despesa com este tipo de contratos vai subir mais de 3,5 milhões de euros para um total de quase 53 milhões.

© Ronen Zvulun / Reuters

Em causa estão contratos feitos entre o Estado e colégios privados para suprimir a falta de escolas públicas em algumas zonas.

O problema, de acordo com a Associação Nacional de Dirigentes Escolares, é que em alguns casos já não fazem sentido, por existirem escolas públicas ao lado.

  • Veio para Portugal para estar mais perto da natureza mas o fogo levou-lhe tudo
    4:59
  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão