sicnot

Perfil

País

Ordem dos Nutricionistas alerta para aumento de falsos profissionais no verão

É no verão que os falsos nutricionistas mais atacam com "promessas milagrosas" de serviços e produtos, alertou hoje a bastonária da Ordem dos Nutricionistas, referindo que há uma média de oito a dez denúncias por mês de falsos profissionais.

reuters

À margem do lançamento da campanha nacional "Vamos pôr a nutrição na ordem", que decorreu hoje de manhã, no Porto, a bastonária da Ordem dos Nutricionistas avisou que o verão é a altura do ano mais indicada para lançar a campanha de sensibilização, porque "é quando os falsos profissionais mais promessas milagrosas fazem dos seus serviços e dos seus produtos".

"Temos de alertar, porque estão a atentar contra a saúde dos indivíduos e estão a atentar contra (...) o bom nome dos nutricionistas e dos dietistas", declarou à Lusa Alexandra Bento, preocupada com o facto de a Ordem ter registado, desde 2012, 152 denúncias de pessoas a exercerem a profissão de nutricionistas, sem habilitação legal.

Segundo a responsável, há uma média entre as oito e as dez denúncias por mês. A maioria das denúncias está relacionada com consultas 'online', prestadas por indivíduos sem habilitação legal, mas as clínicas de estética, ginásios e lojas de suplementos alimentares são dos locais onde "mais se exerce ilegalmente as profissões de nutricionais ou dietista".

Para Alexandra Bento, é "imenso" que exista uma média de dez denúncias por mês, porque "dez denúncias por mês é estar a falar de dez falsos profissionais que atenderão não sei quantos indivíduos de uma forma indevida", criticou, observando que o objetivo da campanha "Vamos pôr a nutrição na ordem" é alertar a população para que a profissão de nutricionista e dietista é "regulada" e que só pode ser desempenhada por quem está inscrito na Ordem dos Nutricionistas.

A maioria das denúncias está relacionada com consultas 'online' prestadas por indivíduos sem habilitação legal, mas as clínicas de estética, os ginásios e as lojas de suplementos alimentares são dos locais onde mais se exerce ilegalmente as profissões de nutricionais ou dietista.

Alexandra Bento recomenda à população para que não recorra aos serviços de "falsos profissionais", porque se está a falar de matéria "muito sensível, que é a saúde do indivíduo através da alimentação e da nutrição".

Para se saber quem são os profissionais, a Ordem dos Nutricionistas disponibiliza no seu sítio na Internet uma lista de todos os profissionais de Portugal. Exercer a função de nutricionista ou dietistas sem habilitação configura um crime de usurpação de funções, punível com prisão até dois anos ou multa até 240 dias.

A Ordem dos Nutricionistas afirma que a dimensão do "exercício ilegal será elevada e está a aumentar" e explica que, quando uma denúncia chega àquela Ordem, é aberto um processo de averiguação e caso a pessoa notificada não se inscreva na Ordem no prazo de 15 dias é enviado o processo para o Ministério Público.

A Ordem dos Nutricionistas já enviou oito casos para Ministério Público, disse a bastonária à Lusa.

A zona geográfica em que há mais denúncias é na Grande Lisboa.

O Grande Porto e a Grande Lisboa são também as regiões do país onde há mais membros inscritos na Ordem dos Nutricionistas. Em média entram cerca de 300 profissionais por ano para a Ordem dos Nutricionais.

Atualmente, a Ordem dos Nutricionistas têm cerca de 3.000 profissionais.

  • Negócios do Fogo
    22:00
  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagas as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Presidente da Câmara de Nova Iorque confirma "atentado terrorista falhado"
    0:29
  • Turistas aproveitam nevão na Serra da Estrela
    1:23
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59
  • Dezenas de feridos em protestos contra decisão de Trump em Israel
    1:55
  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.