sicnot

Perfil

País

Chuva na quinta e sexta-feira, verão regressa no sábado

A temperatura máxima vai descer quinta e sexta-feira em Portugal continental prevendo-se aguaceiros para os dois dias, mas no fim de semana o verão regressa e as máximas voltam a subir, de acordo com o IPMA.

© Mike Blake / Reuters

Segundo Maria João Frada, Meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), para quinta-feira prevê-se um dia com "céu muito nebulado", apenas com "boas abertas nas regiões do interior", mas com "muita nebulosidade no litoral oeste, com possibilidade de ocorrência de chuva fraca ou chuviscos até final da manhã".

De acordo com a previsão da meteorologista do IPMA, é ainda esperada para quinta-feira uma descida dos valores da temperatura máxima.

"Devido à aproximação de um vale nos níveis altos da atmosfera a partir do final do dia de amanhã, prevemos que na sexta-feira, além da nebulosidade baixa que possa ocorrer no litoral oeste, e que poderá afetar quem está nas praias, possa haver nebulosidade nas regiões do interior", adiantou Maria João Frada.

De acordo com a meteorologista, está prevista a queda de aguaceiros "até ao final [do dia] de sexta-feira", que podem ocorrer em qualquer zona do continente, sendo mais prováveis nas regiões do norte e do centro e sobretudo nas zonas montanhosas, para onde estão previstos aguaceiros e trovoadas e uma nova descida dos valores das máximas.

Os dias de calor voltam no fim de semana, com Maria João Frada a prever que "para sábado será o regresso do verão, com o céu a tornar-se pouco nublado e a temperatura máxima a subir".

Lusa

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.