sicnot

Perfil

País

Fogo em Oleiros obriga à retirada de quatro pessoas e mobiliza 423 operacionais

O incêndio que lavra há oito horas no concelho de Oleiros, Castelo Branco, obrigou à evacuação de quatro pessoas em habitações isoladas, duas das quais estavam acamadas, disse à agência Lusa, o presidente da câmara local.

Google Maps

Google Maps

"Neste momento, aparentemente não existem povoações propriamente ditas em risco. Há meios no terreno que estão a protegê-las, segundo diz o comandante [CDOS de Castelo Branco] 'estarão protegidas'. De qualquer maneira, tiveram que evacuar preventivamente quatro pessoas de lugares mais isolados, duas das quais estavam acamadas", adiantou à agência Lusa o presidente da Câmara de Oleiros, Fernando Marques Jorge.

O incêndio, com uma frente ativa, que deflagrou às 13:43, na freguesia de Álvaro, concelho de]Oleiros, mobilizava, cerca das 21:45, um total de 423 operacionais, apoiados por 135 veículos, de acordo com a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

Segundo o autarca, a situação "não está fácil" no terreno, devido ao vento forte e terreno acidentado, e o incêndio progride em direção à vila de Oleiros.

"O vento não está a ajudar nada e o terreno também é muito acidentado", concluiu.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.