sicnot

Perfil

País

Candidaturas ao ensino superior superam já total de 2014, antes do fim do prazo

O número de candidatos ao ensino superior é já superior ao de 2014, a três dias do fim do prazo de candidatura à primeira fase do concurso nacional de acesso, com 42.519 candidaturas entregues até ao final de terça-feira.

Os números constam do portal da Direção-Geral do Ensino Superior (DGES), que divulga a evolução diária de candidaturas entregues, e que revelam que, no final de terça-feira, o número de candidatos já superava os 42.455 de 2014.

Os números já disponíveis confirmam a inversão da tendência de redução de candidatos ao ensino superior, iniciada em 2014, o primeiro ano desde 2008 a registar um aumento de candidaturas.

A primeira fase de acesso ao ensino superior arrancou a 20 de julho, com 50.555 vagas disponíveis para 1.048 cursos em universidades e politécnicos públicos, iniciando-se a entrega de candidaturas através do portal da DGES.

O processo de candidaturas decorre até 07 de agosto, e os resultados do concurso vão ser divulgados um mês depois, a 07 de setembro, no portal da DGES.

De acordo com os dados disponibilizados pela DGES, há este ano menos 265 vagas no ensino superior público, na primeira fase do concurso nacional de acesso, face às 50.820 de 2014, uma redução em termos percentuais inferior a 1%.

O número de vagas para aceder aos cursos superiores públicos está em queda desde 2012, depois de, em 2011, se ter atingido um pico de oferta com 53.500 vagas levadas a concurso.

Lusa

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11