sicnot

Perfil

País

Dois detidos em operação da PSP nos aeroportos nacionais na quinta-feira

Duas pessoas foram detidas e outras 379 identificadas numa operação realizada pela Polícia de Segurança Pública (PSP) na quinta-feira nos aeroportos dos Açores, Madeira, Lisboa, Porto e Faro, anunciou hoje esta força de segurança.

Interior do novo terminal do aeroporto de Pyongyang para voos internacionais

Interior do novo terminal do aeroporto de Pyongyang para voos internacionais

© KCNA KCNA / Reuters

A Operação Pégasus II, a segunda do género deste ano, decorreu entre as 00:00 e as 24:00 de quinta-feira.

Em Lisboa, a PSP deteve em flagrante delito um taxista de 55 anos pelo crime de especulação, por ter transportado uma turista do aeroporto de Lisboa para o Terminal Rodoviário de Sete Rios e "ter exigido um valor superior ao constante na tabela de preços em vigor", explica a PSP em comunicado.

Já nos Açores, foi detido um homem estrangeiro, de 24 anos, por posse de arma ilegal, "mais concretamente uma munição de calibre 09 milímetros", lê-se na mesma nota.

Além disso, foram identificadas 379 pessoas, fiscalizadas 358 viaturas e realizadas 10 ações de informação e visibilidade, adianta a PSP.

Realizaram-se ainda 48 operações de fiscalização de âmbito rodoviário, segurança privada e controlo de acesso de passageiros e bagagens.

A operação envolveu mais de 150 polícias, que estiveram essencialmente atentos à posse de armas, estupefacientes, artigos roubados e aos cidadãos em situação ilegal, disse à agência Lusa na quinta-feira o porta-voz da direção nacional da PSP, Paulo Ornelas Flor.

O objetivo era "conferir uma maior visibilidade à nossa intervenção no âmbito da segurança aeroportuária, quer na parte internacional dos aeroportos, quer na parte nacional onde as pessoas estão mais habituadas a ter um contacto mais próximo com a Polícia de Segurança Pública, nomeadamente nas chegadas e partidas dos terminais e nos acessos às infraestruturas aeroportuárias", acrescentou Paulo Ornelas Flor.

Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Divulgado vídeo dos bambardeamentos contra o Daesh no Iraque
    0:42
  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.