sicnot

Perfil

País

Maria de Belém diz que nada a impedirá de pensar para lá das legislativas

A ex-ministra da Saúde e ex-presidente do Partido Socialista Maria de Belém admitiu hoje que "nada" a impedirá de pensar para lá das legislativas, segundo um comunicado do movimento de apoio à sua candidatura à Presidência da República.

(Lusa/Arquivo)

(Lusa/Arquivo)

LUSA

"Nada me impedirá de pensar para lá das legislativas", afirmou Maria de Belém, citada num comunicado do movimento denominado Associação Cívica Portugal Melhor.

Seis elementos do movimento constituído por uma centena de cidadãos reuniram-se hoje com Maria de Belém para apelarem a que se candidate por considerarem que é "uma cidadã de exemplar vida cívica, de reconhecida e vasta experiência política, nacional e internacional, e de constante dedicação ao bem comum".

Maria de Belém, que não tornou ainda pública a sua decisão, tem sido dada como candidata a Belém nas eleições de 2016 pela imprensa nacional.

Os elementos do movimento referem que Maria de Belém ficou "muito sensibilizada" com o apelo.

"Sou uma cidadã preocupada com o meu país e com o mundo. Conheço muitos dos presentes e sei que todos temos o mesmo objetivo: fazer com que o nosso país seja melhor para todos", referiu a ex-presidente socialista, citada no comunicado e acrescentando: "sei que estamos a viver um momento especial, com eleições legislativas à porta, o que me tem levado a dizer que este é o momento das legislativas" mas "nada me impedirá de pensar para lá das legislativas".

O grupo que hoje se encontrou com Maria de Belém é constituído pelo médico Joshua Ruah; a farmacêutica e professora universitária Ana Paula Martins; a médica e professora universitária Maria do Céu Santo; o diretor comercial Paulo Marques; a técnica de 'marketing' Joana Santos e a assistente social Vânia Dias.

A sete meses do final do mandato do atual Presidente da República são já 11 os candidatos que anunciaram a intenção de entrar na corrida a Belém, estando cinco outros em reflexão.

Lusa

  • "Vi o Bas Doost a jorrar sangue para o chão (...) revoltei-me!"
    3:28
  • "Esta semana parecia um filme de terror"
    2:24

    Desporto

    O treinador do Sporting falou pela primeira vez à imprensa desde as agressões de que foi alvo em Alcochete. Jorge Jesus disse que a última semana "parecia um filme de terror" e deixou um agradecimento especial aos adeptos e à "capacidade emocional" dos jogadores.

  • Já se pode pescar sardinha mas há limitações

    País

    A proibição da pesca da sardinha termina hoje, podendo, até 31 de julho, os pescadores capturar 4.855 toneladas, com limites diários, medidas de proteção dos juvenis e monitorização da pescaria, disse à Lusa o Ministério do Mar.

  • Nicolas Maduro vence presidenciais na Venezuela

    Mundo

    O chefe de Estado venezuelano, Nicolas Maduro, foi declarado vencedor das eleições presidenciais de domingo pela autoridade eleitoral, com perto de 70% dos votos, depois de contados quase todos os boletins.

  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29