sicnot

Perfil

País

Morreu o segundo trabalhador vítima de acidente de trabalho em Abrantes

ÚLTIMA

Um segundo trabalhador acabou hoje por falecer no Serviço de Urgências do hospital de Abrantes, após ali ter dado entrada em paragem cardiovascular respiratória e depois de ter sido atingido pela queda de uma placa de betão.

Ao final da tarde, cerca das 18:00, a queda de uma placa de betão de revestimento da fachada do edifício já havia provocado a morte imediata a um dos trabalhadores presentes no local, tendo um outro trabalhador sido transferido em estado muito grave para o hospital de Abrantes, onde viria a falecer.

"Foram feitas sem sucesso as manobras de reanimação tendo o óbito sido declarado poucos minutos depois no Serviço de Urgências do Centro Hospitalar do Médio Tejo, na unidade hospitalar de Abrantes", disse à Lusa fonte daquela unidade.

A queda de uma placa de betão de revestimento da fachada do edifício decorreu no âmbito dos trabalhos de conclusão da futura Unidade de Saúde Familiar (USF) de Abrantes.

O novo equipamento, que está a ser construído na Rua Nossa Senhora da Conceição, no centro da cidade, conta com três pisos e estava em fase final de construção, estando prevista a sua conclusão até final do ano.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da Câmara de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque, "lamentou" o incidente e disse que as obras vão parar durante dois dias "por luto para com os trabalhadores falecidos".

A autarca disse ainda que as causas do acidente que causou as duas vítimas mortais vão ser "averiguadas por quem de direito".

"A autarquia foi acompanhando o evoluir dos trabalhos, que decorreram sempre com normalidade e que estão na sua fase final, e este acidente vai ser averiguado pela Autoridade para as Condições de Trabalho, sendo que o empreiteiro é o responsável pela execução dos trabalhos e pelas respetivas condições de segurança", afirmou.

Segundo a autarca, o acidente "em princípio, não afetará a conclusão das obras", que se prevê para dentro de poucas semanas.

A nova Unidade de Saúde Familiar (USF) de Abrantes, com um investimento total de 1.359.081,18 euros - uma parceria da Câmara de Abrantes, da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) e do Agrupamento de Centros de Saúde do Médio Tejo (ACES) - está a ser construída na antiga rodoviária, no centro da cidade.

A última visita aos trabalhos de construção aconteceu no passado dia 15 de maio, tendo marcado presença a presidente da Câmara de Abrantes, Maria do Céu Albuquerque, a diretora do ACES do Médio Tejo, Sofia Theriaga, e Luís Pisco, vice-presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.

A nova Unidade de Saúde Familiar de Abrantes vai substituir o centro de saúde instalado no edifício do hospital Manuel Constâncio.

Com Lusa

  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • O momento em que Trump quis ser um camionista

    Mundo

    O Presidente norte-americano Donald Trump reuniu-se esta quinta-feira com representantes da indústria de camionagem. Não é apenas do encontro que lhe falamos, mas principalmente da invulgar receção feita por Trump, que entrou para um camião, fingiu que o conduzia e buzinou... em pleno jardim da Casa Branca.

  • FBI investiga possível campanha de espiões russos contra Hillary
    0:57

    Mundo

    A suspeita de ligação entre a equipa de Donald Trump e operacionais russos está a aumentar. A CNN diz que a equipa do Presidente do Estados Unidos da América se coordenou com os russos para atingir Hillary Clinton. O FBI está a investigar registos telefónicos, de viagens, relatórios e transações para offshores.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • O edifício mais longo do mundo

    Mundo

    Se pensa que já viu tudo em relação aos edifícios mais longos e complexos do mundo, pense duas vezes. O edifício mais longo do mundo pode estar prestes a chegar e promete fazer de Nova Iorque uma cidade ainda mais atrativa.