sicnot

Perfil

País

Alfa Pendular alcança recorde em julho com mais de 194 mil passageiros

A CP - Comboios de Portugal anunciou hoje que o serviço Alfa Pendular alcançou um valor recorde no mês de julho ao atingir mais de 194 mil passageiros, o que representa "um aumento de 7,2% relativamente a julho de 2014".

SIC

O serviço rápido Alfa Pendular faz a ligação entre as cidades de Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Lisboa e Faro, entre outras cidades, com serviços específicos como cafetaria e wi-fi gratuito.

De acordo com informação da CP, a elevada procura registada nos meses de verão tem levado a empresa a trabalhar no máximo da sua capacidade, referindo que "os reforços da oferta têm apresentado taxas de ocupação muito próximas dos 100%".

"Face ao aumento consistente e continuado da procura, estão em estudo soluções para reforçar a frota já em 2016", anunciou a empresa em comunicado.

A CP tem registado um crescimento em passageiros, contabilizando desde o início do ano até ao final de julho "cerca de 65 milhões de passageiros em todos os seus serviços", mais 1,5 milhões do que no período homólogo de 2014, um crescimento de 2,3%.

O mês de julho é "o 23.º mês consecutivo de aumento do volume de passageiros, que teve início em setembro de 2013", informou.

Segundo a empresa, o volume de passageiros ultrapassou no mês de julho os 9,5 milhões, um crescimento de 2,1% em relação ao mesmo mês de 2014.

Os comboios urbanos de Lisboa transportaram no mês passado 6,47 milhões de passageiros, seguindo-se os comboios urbanos do Porto, com 1,59 milhões, comunicou a CP.

Em relação aos serviços regionais, houve um crescimento de 4,8%, com "mais de 905 mil passageiros".

O crescimento em passageiros reflete-se nos lucros de tráfego da empresa, registando-se um aumento de 4,2% no mês de julho e de 2,7% no acumulado de janeiro a julho deste ano, revelou fonte da CP, não referindo valores da receita obtida.

Para a CP, estes resultados "reafirmam a aposta da empresa numa forte dinâmica comercial", desde a apresentação de produtos diversificados e a redução de tempos de viagem, à melhoria das ligações e à integração das tarifas de longo curso e regional.

Lusa

  • Ex-presidente da CP/Fernave terá beneficiado ilicitamente de 200 mil euros
    2:04

    País

    O ex-presidente do conselho de administração da CP/Fernave foi detido por suspeitas de crimes de peculato e de abuso de poder. As autoridades suspeitam que Rui Lucena Marques tenha desviado 200 mil euros na sequência de um acordo de cooperação que a CP/Fernave tem com Angola. Ouvido pelo juiz, o arguido está em liberdade, não pode sair do país, está suspenso de funções e foi obrigado a pagar 37 mil euros de caução.

  • A história de João Ricardo
    10:37
  • Parceiros sociais começam hoje debate sobre salário mínimo

    Economia

    Os parceiros sociais reúnem-se hoje com o ministro do Trabalho, Vieira da Silva, para iniciarem a discussão sobre a atualização do salário mínimo para o próximo ano, com as centrais sindicais e confederações patronais a assumirem posições divergentes.Em cima da mesa estarão as propostas das centrais sindicais, com a CGTP a exigir 600 euros a partir de janeiro de 2018 e a UGT a reivindicar 585 euros como ponto de partida para a negociação.

  • Os 72 golos de mais uma noite de Liga Europa

    Liga Europa

    Os 16 avos-de-final da Liga Europa começam a ganhar forma. São já 16 as equipas apuradas para a próxima fase da competição, entre elas o Sporting de Braga, que somou mais uma vitória. Em sentido inverso, o Vitória de Guimarães saiu derrotado de Salzburgo e ficou mais longe da qualificação. A 5.ª jornada da fase de grupos jogou-se esta quinta-feira e ao todo marcaram-se 72 golos. Estão todos aqui, para ver ou rever.

  • "No fim, logo se vê" se foram quatro anos de uma legislatura perdida
    1:28

    País

    Pedro Passos Coelho acusa o Governo de perder uma legislatura. O presidente do PSD diz que "no fim, logo se vê" se foram ou não quatro anos de oportunidade perdida para o país. No último Conselho Nacional antes das eleições diretas do partido, Passos acusou o Executivo de perder o rumo e apontou os casos do Infarmed e do aumento do preço da água como exemplos de desorientação.

  • Marcelo apoia novo Mecanismo Europeu de Proteção Civil
    0:44

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa considera o novo Mecanismo de Proteção Civil uma ideia muito boa, que tem todo o apoio do Governo e do Presidente da República. Marcelo apenas lamenta que o modelo não existisse durante os incêndios deste ano.