sicnot

Perfil

País

Sol e 35 graus no fim de semana

O fim de semana vai ser marcado pelo bom tempo com as temperaturas máximas a chegarem aos 35 graus Celsius, disse à agência a meteorologista Maria João Frada, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

"Para hoje e para o fim de semana prevê-se céu pouco nublado ou limpo, vento fraco e uma subida dos valores da temperatura em todo o território, sendo mais significativa nas regiões do interior e do Vale do Tejo. No domingo não vai haver alterações significativas", adiantou a meteorologista.

Apesar do bom tempo, Maria João Frada indicou que existe uma forte probabilidade de ocorrerem aguaceiros e trovoadas nas regiões do interior do norte e centro, mas sem descida da temperatura.

"De salientar também que na noite de sábado para domingo vamos ter uma noite tropical nas regiões do centro e sul, com temperaturas a rondar os 20 e os 22 graus Celsius", sublinhou.

De acordo com a meteorologista, o fim de semana vai ainda ficar marcado por um cenário de nebulosidade baixa, neblinas ou nevoeiros no litoral a norte do Cabo Raso até ao meio da manhã.

"Na segunda-feira vamos ter uma mudança do estado do tempo. Prevemos uma descida das temperaturas, sobretudo da máxima. Enquanto no fim de semana vamos ter valores a variar entre os 30 e os 35 graus, no início da semana vamos ter uma homogenização em todo o território", disse.

Segundo Maria João Frada, as temperaturas na segunda-feira não vão ultrapassa os 28 graus.

"Ou seja, os valores da temperatura máxima podem descer na segunda-feira seis a sete graus no interior. A mínima deverá descer entre dois e quatro graus", disse a meteorologista, salientando que a situação deverá manter-se ao longo da semana.

Lusa

  • As IPSS são estruturantes no país. Fazem o que Estado não faz porque não pode, não quer, ou não chega a tudo. Chama-se sociedade civil a funcionar. E o Estado subsidia, ajuda, (com)participa, apoia. Nada contra. A questão é quando as IPSS e outras instituições, fundações, associações, federações e quejandas se tornam verdadeiras "indústrias".

    Pedro Cruz

  • O ano "saboroso" de António Costa
    0:51

    País

    António Costa diz que 2017 foi um ano "saboroso" para Portugal. Num encontro com funcionários portugueses, em Bruxelas, antes do Conselho Europeu desta quinta-feira, o primeiro-ministro realçou o que o país conquistou no último ano, no plano europeu, e que culminou com a eleição de Mário Centeno para a Presidência do Eurogrupo.

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • Estabilização dos solos nas áreas ardidas
    1:58

    País

    Está a começar uma intervenção de emergência para estabilizar os solos nas áreas ardidas nos incêndios florestais. O trabalho das equipas que estão no terreno arrancou na zona da Lousã mas vai passar por vários concelhos como Pampilhosa da Serra e Vila Real.