sicnot

Perfil

País

Crédito malparado de famílias e empresas aumenta em julho para os 18.867 M€

O crédito malparado das famílias e das empresas aumentou em julho face ao mês anterior para os 18.867 milhões de euros, representando mais de 9% do total do crédito concedido, apesar de os empréstimos concedidos pela banca terem diminuído, revela o Banco de Portugal.

Segundo o banco central, o crédito malparado das famílias subiu em maio para os 5.440 milhões de euros e o das empresas aumentou para os 13.410 milhões de euros, representando 9,08% dos 207.410 milhões de euros emprestados nestes dois setores. (Arquivo)

Segundo o banco central, o crédito malparado das famílias subiu em maio para os 5.440 milhões de euros e o das empresas aumentou para os 13.410 milhões de euros, representando 9,08% dos 207.410 milhões de euros emprestados nestes dois setores. (Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

De acordo com números hoje divulgados pelo Banco de Portugal, no final de julho, a banca tinha emprestado aos particulares e às empresas 205.957 milhões de euros, dos quais 18.867 milhões de euros eram considerados créditos vencidos pelas instituições financeiras, o que equivale a 9,16% do total dos empréstimos.

Considerando apenas o crédito concedido às famílias, no final de julho, estavam emprestados 121.379 milhões de euros, dos quais 5.394 eram de cobrança duvidosa, o equivalente a 4,44%.

Face ao mês anterior, isto representa uma diminuição dos empréstimos concedidos aos particulares, mas um aumento do peso do crédito malparado neste setor: em junho, a banca tinha emprestado 121.669 milhões de euros às famílias e o malparado ascendia a 5.380 milhões de euros, ou seja, 4,42% do total.

Já quanto às empresas, no final de julho, a banca tinha emprestado 84.578 milhões de euros às sociedades não financeiras e, destes, 13.473 milhões eram considerados como malparado, o equivalente a 15,9%.

Isto significa também um agravamento do crédito malparado concedido às empresas face ao mês anterior, uma vez que, em junho, os bancos tinham emprestado 85.366 milhões de euros, estando 13.423 milhões de euros na categoria de crédito vencido, ou seja, 15,7% do total.

Desde o início do ano, verificou-se uma diminuição do crédito total concedido, mas um agravamento do crédito malparado: no final de 2014, os empréstimos da banca tanto a empresas como a particulares ascendiam aos 209.614 milhões de euros, dos quais 8,4% eram considerados de cobrança duvidosa.

Nessa altura, o crédito vencido das famílias representava 4,3% do total de crédito concedido e o malparado das empresas representava 14,3% do total de empréstimos a este setor, proporções que em julho eram ligeiramente mais elevadas, de 4,4% e 15,9%, respetivamente.

Lusa

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto "Obrigado presidente pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou com o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido às mensagens escritas por Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória do Sporting frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17