sicnot

Perfil

País

Portugal tem dois mestrados em gestão entre os 80 melhores

As escolas de Economia da Universidade Nova de Lisboa e da Universidade Católica estão entre as melhores do mundo nos mestrados em gestão no ranking do jornal Financial Times, com a Nova SBE a ocupar o 31.º lugar.

(SIC/ Arquivo)

O mestrado "International Masters in Management" da Nova School of Business and Economics (SBE), desenvolvido de raiz pela instituição, subiu este ano 17 lugares, do 48.º lugar para o 31.º, no ranking elaborado anualmente pelo jornal britânico, e que este ano analisou 80 mestrados em todo o mundo.

Daniel Traça, diretor da Nova SBE, disse à Lusa que os resultados são reflexo da crescente internacionalização da escola e dos seus mestrados.

"Subimos muito o nível de candidaturas. Este ano, pela primeira vez temos mais candidatos estrangeiros do que portugueses", disse, sublinhando que a atratividade internacional tem a ver também com a própria experiência internacional quem estas formações proporcionam.

Muitos dos diplomados são colocados no mercado de trabalho externo, com salários muito acima da média nacional. As candidaturas têm crescido a um ritmo de 40% ao ano, não só de candidatos vindos de licenciaturas da Universidade Nova de Lisboa, mas também de outras instituições, cursos não relacionados com Economia e Gestão, e, sobretudo, muitos estrangeiros.

"Quando tivermos o nosso campus em Carcavelos, no verão de 2017, vamos poder potenciar ainda mais esta estratégia [de crescimento e internacionalização] e obter ainda melhores resultados", referiu Daniel Traça, que adiantou que o concurso para iniciar obras deve ser lançado nos próximos dois meses.

"Os nossos objetivos são ambiciosos. Muito do crescimento do novo campus será alimentado pelo crescimento de alunos nos programas de mestrado", acrescentou.

Também na Católica Lisbon School, que este ano ficou em 59.º lugar, 10 abaixo do resultado alcançado em 2014, a capacidade de crescimento da escola e dos mestrados está dependente da mudança de instalações, admitiu o seu diretor Francisco Veloso.

"Temos que ponderar os próximos passos, porque estamos a desperdiçar a oportunidade de crescimento que existe", disse, referindo que a escola acolhe 300 alunos no 1.º ano dos vários mestrados que oferece, que este ano são, em 70%, estrangeiros.

Alemães, italianos e franceses, por esta ordem, são os que mais procuram as formações da Católica Lisbon School.

"Para os mestrados mais competitivos temos neste momento quatro candidatos para cada vaga", disse o diretor da faculdade, que referiu que o crescimento na procura por parte de alunos internacionais tem crescido entre os 30% e 40% ao ano.

"Vemos estes resultados com satisfação e em ligação com o esforço de excelência da escola", disse, destacando o elevado nível de empregabilidade dos diplomados pela escola, que chegam ao mercado de trabalho em três meses após a conclusão da sua formação.

O mestrado internacional CEMS e que pode ser frequentado na Nova SBE, subiu este ano um lugar na classificação do Financial Times, do 5.º para o 4.º lugar mundial.

Já a Católica Lisbon School destaca que os seus alunos têm à disposição três mestrados internacionais classificados entre os dez melhores do mundo: ESCP Europe em França; WHU Beisheim na Alemanha; e Università Bocconi em Itália.

O pódio do ranking do Financial Times não sofreu alterações em relação ao ano anterior: os mestrados da University of St. Gellen na Suíça (1.º lugar); da HEC Paris, em França (2.º lugar); e da Essec Business School em França (3.º lugar) mantém as posições na liderança da tabela.

Lusa

  • Ranking Financial Times
    4:23

    Edição da Manhã

    Portugal tem dois mestrados em gestão que estão entre os 80 melhores do mundo, de acordo com o ranking do diário britânico Financial Times. Daniel Traça, director da Nova School of Business and Economics, esteve na Edição da Manhã.

  • "A Minha Outra Pátria": o drama da Venezuela no Jornal da Noite
    2:12

    Reportagem Especial

    Quase cinco mil emigrantes regressaram à Madeira nos últimos meses por causa da crise económica, social e política na Venezuela. Os pedidos de ajuda ao Governo Regional dispararam. Muitos luso-venezuelanos voltaram às origens com pouco mais do que a roupa do corpo. "A Minha Outra Pátria", Reportagem Especial de hoje.

  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24
  • Como fugir às comissões bancárias
    7:24

    Contas Poupança

    Há muitos casos em que ter uma conta no banco está a dar prejuízo. Os juros são tão baixos e as comissões de manutenção de conta são tão altas que há portugueses que todos os meses perdem dinheiro apenas porque têm dinheiro no banco. O Contas Poupança foi à procura de alternativas.

  • Governo reconhece seca severa no continente desde 30 de junho

    País

    O Governo reconheceu, hoje, a existência de uma situação de seca severa no território continental, desde 30 de junho, que consubstancia um fenómeno climático adverso, com repercussões negativas na atividade agrícola, em despacho publicado hoje em Diário da República.

  • Produtores de maçã de Armamar dizem não ter recebido resposta do Ministério
    2:14

    País

    Os produtores de maçã de Armamar estão preocupados. Parte da produção foi destruída pelo mau tempo. Contudo, duas semanas depois, ainda não há resposta do Ministério da Agricultura aos pedidos de ajuda. Mais de 60 produtores com 800 hectares foram afetados e as árvores atingidas pelo granizo podem não conseguir produzir no próximo ano.

  • Bebé Charlie Grad já não vai receber tratamento nos EUA

    Mundo

    A mãe de Charlie Grad disse esta segunda-feira que o bebé poderia ter vivido uma vida normal, caso tivesse começado a receber tratamento cedo. Já o pai admitiu que o filho não iria viver até ao primeiro aniversário. O bebé foi diagnosticado com uma doença rara e um hospital em Inglaterra pediu permissão para desligar a ventilação artificial e fornecer-lhe cuidados paliativos. O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos aceitou e, até hoje, os pais travaram uma batalha na Justiça para suspender a decisão na esperança de irem tratar o filho nos Estados Unidos da América.

  • Número de mortos em atentado em Cabul sobe para 31

    Mundo

    O número de mortos no atentado com um carro armadilhado atribuído aos talibãs, esta segunda-feira de manhã em Cabul, subiu para 31, aos quais se somam cerca de 40 feridos, de acordo com um novo balanço das autoridades.

  • Pelo menos cinco feridos em ataque na cidade suíça de Schaffhausen

    Mundo

    Pelo menos cinco pessoas ficaram hoje feridas na sequência de um ataque, na cidade suíça de Schaffhausen. De acordo com as autoridades, as vítimas foram atacadas por um homem armado com uma motosserra, que está a ser procurado pela polícia. As autoridades descartaram a hipótese de "ato terrorista".

  • Oposição pressiona Maduro com anúncio de manifestações e greve geral
    1:34