sicnot

Perfil

País

Ministro desafia hospitais privados e do social a formarem médicos

O ministro da Saúde, Paulo Macedo, desafiou hoje os hospitais privados e do setor social a repartirem com os públicos a tarefa da formação de médicos, o que poderia minimizar a falta de especialistas.

RICARDO CASTELO/ LUSA

Paulo Macedo falava aos jornalistas no final da cerimónia do Dia do Serviço Nacional de Saúde (SNS), em Lisboa, e a propósito de uma notícia do Diário de Notícias (DN) segundo a qual "os serviços de urgência dos hospitais estão a ser investigados pela Ordem dos Médicos".

A Ordem "está a apurar se existem os especialistas necessários para garantir que os doentes são tratados com qualidade e em segurança", lê-se na edição de hoje do matutino.

"Temos de ter muito cuidado com as idoneidades", disse o ministro, recordando que a falta de especialistas já ameaçou a capacidade formativa em grandes hospitais, como o Santa Maria, em Lisboa.

"Da parte do SNS temos de fazer um esforço para manter essas idoneidades ou até aumentar", disse, defendendo a existência de "uma capacidade formativa no privado".

"Era bom que essa tarefa fosse repartida com os hospitais dos setores privado e social", acrescentou.

Lusa

  •  Norte perde médicos de família
    2:04

    País

    Caso a situação se mantenha, milhares de utentes da região do norte vão perder o médico de família. A Ordem dos Médicos e a Federação Nacional dos Médicos acusam a administração regional de saúde do norte de estar a cometer várias ilegalidades e pedem que a situação seja resolvida o mais rápido possível.

  • Serviço Nacional de Saúde faz 36 anos
    8:34

    Edição da Manhã

    O Serviço Nacional de Saúde faz hoje 36 anos e, para assinalar a data, a Ordem dos Médicos do Centro organiza várias atividades, entre as quais o debate "SNS - Património dos Portugueses". Carlos Cortes, Presidente da Ordem dos Médicos do Centro, esteve na Edição da Manhã.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.