sicnot

Perfil

País

Ministro desafia hospitais privados e do social a formarem médicos

O ministro da Saúde, Paulo Macedo, desafiou hoje os hospitais privados e do setor social a repartirem com os públicos a tarefa da formação de médicos, o que poderia minimizar a falta de especialistas.

RICARDO CASTELO/ LUSA

Paulo Macedo falava aos jornalistas no final da cerimónia do Dia do Serviço Nacional de Saúde (SNS), em Lisboa, e a propósito de uma notícia do Diário de Notícias (DN) segundo a qual "os serviços de urgência dos hospitais estão a ser investigados pela Ordem dos Médicos".

A Ordem "está a apurar se existem os especialistas necessários para garantir que os doentes são tratados com qualidade e em segurança", lê-se na edição de hoje do matutino.

"Temos de ter muito cuidado com as idoneidades", disse o ministro, recordando que a falta de especialistas já ameaçou a capacidade formativa em grandes hospitais, como o Santa Maria, em Lisboa.

"Da parte do SNS temos de fazer um esforço para manter essas idoneidades ou até aumentar", disse, defendendo a existência de "uma capacidade formativa no privado".

"Era bom que essa tarefa fosse repartida com os hospitais dos setores privado e social", acrescentou.

Lusa

  •  Norte perde médicos de família
    2:04

    País

    Caso a situação se mantenha, milhares de utentes da região do norte vão perder o médico de família. A Ordem dos Médicos e a Federação Nacional dos Médicos acusam a administração regional de saúde do norte de estar a cometer várias ilegalidades e pedem que a situação seja resolvida o mais rápido possível.

  • Serviço Nacional de Saúde faz 36 anos
    8:34

    Edição da Manhã

    O Serviço Nacional de Saúde faz hoje 36 anos e, para assinalar a data, a Ordem dos Médicos do Centro organiza várias atividades, entre as quais o debate "SNS - Património dos Portugueses". Carlos Cortes, Presidente da Ordem dos Médicos do Centro, esteve na Edição da Manhã.

  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • Proteção Civil aponta falhas do SIRESP, operadora diz que esteve à altura do fogo
    4:22
  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Mulher atira moedas para o motor do avião por superstição

    Mundo

    As superstições levam as pessoas a fazer coisas bizarras e até, mesmo, perigosas. Este foi o caso de uma mulher chinesa que decidiu atirar moedas para o motor de um avião, para garantir boa sorte na viagem, que estava prestes a fazer. Contudo, a ação obrigou ao atraso do voo que partia de Xangai, numa companhia aérea chinesa.

  • Modelo italiana atacada com ácido volta ao trabalho

    Mundo

    Gessica Notaro, antiga concorrente do concurso Miss Itália, já regressou ao trabalho como treinadora de leões marinhos, cinco meses depois de ter sido atacada com ácido, alegadamento pelo ex-namorado, Jorge Edson Tavares. Gessica Notaro diz que quer inspirar e encorajar outras mulheres a lutar contra o assédio e o bullying nas relações.