sicnot

Perfil

País

GNR descobre arsenal de armas em residência de Carrazeda de Ansiães

A GNR descobriu hoje um arsenal com quase uma centena de armas de fogo, milhares de munições e outro material do género durante uma busca domiciliária, numa aldeia de Carrazeda de Ansiães, no distrito de Bragança.

O achado, na localidade de Pinhal do Douro, "surpreendeu" os militares quando cumpriam mandados de busca domiciliária e de detenção emitidos pelo Tribunal, no âmbito de uma investigação a um homem de 79 anos.

O indivíduo está a ser investigado por suspeitas dos crimes de ameaça com arma de fogo e ofensa à integridade física sobre vizinhos e ainda de violência doméstica sobre a esposa.

O mandado de detenção ficou sem efeito, já que, segundo informação do Comando Distrital de Bragança da GNR, o indivíduo e a esposa não se encontravam na localidade e estarão ausentes do país.

Apesar da investigação pelo crime de violência doméstica, o casal continua a viver junto, segundo ainda as autoridades, e o homem não estava sujeito a qualquer medida de coação.

Na busca domiciliária à residência foram encontradas e apreendidas quase cem armas de fogo, entre armas de caça, pistolas, revólveres e espingardas de ar comprimido.

Foram ainda apreendidas cerca de cinco mil munições de diversos calibres, cinco armas brancas, vário material para recarregamento de cartuchos, pólvora, chumbo de caça, ponteiras para armas, chaves para desmontagem de ponteiras e uma bengala.

De acordo com a GNR, o indivíduo não tem atividade profissional ligada às armas e tem registadas legalmente no nome dele 24, que as autoridades ainda não sabem se fazem ou não parte do material hoje apreendido.

As autoridades estão também a averiguar com que finalidade o suspeito tinha em sua posse um tão elevado número de armas e restante material.

Lusa

  • Mergulhadores espanhóis e forenses envolvidos nas buscas no rio Minho
    0:35

    País

    A Polícia Marítima confirmou à SIC que já estão a ser efetuados os primeiros mergulhos à superfície com uma equipa de mergulhadores espanhóis, que foram os primeiros a chegar a local. Durante a tarde desde domingo deve chegar ao local a equipa de mergulhadores forenses de Lisboa para ajudaram nas operações de busca ao pescador que desapareceu ontem à noite de em Alvaredo, concelho de Melgaço, no distrito de Viana do Castelo.

  • Portugal vai testar capacidade de resposta a ciberataque
    0:22

    País

    O exercício está marcado para os dias 09 e 10 de maio e é o primeiro a nível nacional a testar um ciberataque em Portugal. O teste é organizado pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) para apurar "o "grau de preparação" das várias entidades públicas e privadas, mas já conclusões a ter em conta. Segundo o coordenador do CNCS, Pedro Veiga confirma-se tendência para os ataques serem cada vez mais sofisticados e é preciso alertar a população para o que publicam na internet e se pode colocar em risco a privacidade e a segurança.

  • As suspeitas que recaem sobre Ricardo Salgado e Manuel Pinho
    2:00