sicnot

Perfil

País

Subconcessões do Metro de Lisboa e da Carris assinadas hoje

O contrato de subconcessão do Metropolitano de Lisboa e da rodoviária Carris à empresa espanhola Avanza deverá ser assinado hoje, dia em que sindicalistas e trabalhadores do Metro realizam uma ação pública de protesto.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters


O secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro, revelou na semana passada que o acordo de subconcessão do Metro e Carris será assinado na quarta-feira.

A assinatura do acordo decorrerá de forma privada.

Hoje de manhã, sindicatos e trabalhadores do Metropolitano vão realizar, entre o elevador de Santa Justa e o Largo Camões, em Lisboa, uma "ação de denúncia pública e de repúdio" pela subconcessão das empresas.

"Entendemos assinalar este dia com a entrega de um lápis para, simbolicamente, dizer que a assinatura não tem qualquer valor, e com o compromisso de que voltaremos a seguir às eleições com a borracha para fazer cumprir aquilo que nos disseram [acerca] de anulação do contrato", disse à Lusa Anabela Carvalheira, da Federação dos Sindicatos dos Transportes e Comunicações (Fectrans).

A dirigente sindical lembrou que, na semana passada, PS, PCP e Bloco de Esquerda (BE) comprometeram-se, perante os trabalhadores e reformados do Metropolitano de Lisboa, a reverter o processo de subconcessão da empresa, caso exerçam funções governativas a partir de 04 de outubro.

Além da Fectrans, participam na iniciativa o Sindicato dos Trabalhadores de Transportes Rodoviários e Urbanos de Portugal, o Sindicato dos Trabalhadores da Tração do Metropolitano de Lisboa, e a Comissão de Trabalhadores do Metropolitano de Lisboa.

Lusa

  • Europol deteve grupo que vendia euros falsos na Darkweb

    Mundo

    A Europol anunciou hoje a detenção de oito pessoas suspeitas de pertencerem a um grupo criminoso considerado como um dos maiores fornecedores de euros falsos vendidos online, no âmbito de uma operação realizada pelas autoridades italianas.