sicnot

Perfil

País

Tribunal de Loulé suspende demolição de mais 41 casas na ilha do Farol

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé suspendeu o processo de demolição de mais 41 casas, todas de primeira habitação, na Ilha do Farol, concelho de Faro, disse hoje à Lusa o presidente de uma associação local.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

O mesmo tribunal já havia tomado em abril uma decisão semelhante para 137 casas localizadas naquela ilha-barreira da Ria Formosa - onde existem 176 edificações -, cujos proprietários interpuseram providências cautelares, na sequência do anúncio da tomada de posse administrativa das habitações por parte da Sociedade Polis.

Em declarações à Lusa, o presidente da Associação da Ilha do Farol de Santa Maria, Feliciano Júlio, explicou que das 55 casas de primeira habitação existentes na ilha, falta apenas ao tribunal dar resposta às providências cautelares interpostas pelos donos de seis casas, havendo ainda quatro cujos proprietários não avançaram com providências cautelares.

"Existem oito habitações, das quais quatro são de primeira habitação, relativamente às quais os proprietários ainda não interpuseram providências cautelares em tribunal, porque a Sociedade Polis até ao momento não proferiu a decisão final e não lhes enviou a carta a dizer que vai tomar posse administrativa", esclareceu.

A posse administrativa das habitações pela Sociedade Polis Litoral Ria Formosa chegou a estar marcada para os dias 27 de abril e 06 de maio, mas nunca se concretizou, apesar de a Polis, sociedade que se extingue a 31 de dezembro de 2015, ter contestado a decisão do tribunal.

Em maio, o Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé também aceitou uma providência cautelar apresentada pela Câmara de Olhão em defesa do 'habitat' do camaleão, decisão igualmente contestada pela Polis, pelo facto de a Ilha do Farol pertencer a Faro e não ao concelho vizinho de Olhão.

Como tal, a Associação da Ilha do Farol de Santa Maria decidiu apresentar uma providência baseada nos mesmos argumentos, que foi aceite, na passada semana, pelo mesmo tribunal, dando razão aos moradores, acrescentou Feliciano Júlio.

Aquele responsável disse à Lusa que, caso mude o Governo nas próximas eleições de 4 de outubro, os moradores da Ilha do Farol estão "abertos ao diálogo", já que com o atual Governo não existe possibilidade de dialogar.

"Não há diálogo, o único é deitar abaixo sem um argumento plausível ou credível", refere, observando que o processo vai agora resolver-se nos tribunais, o que pode demorar ainda dois ou três anos.

Feliciano Júlio acredita que a Sociedade Polis, que acaba no final do ano, já não terá tempo para concretizar as demolições, problema que talvez "nem o próximo Governo consiga resolver".

Enquanto não existe uma decisão judicial efetiva, Feliciano Júlio promete não baixar os braços e diz estar determinado a ir "até às últimas consequências", admitindo a hipótese de recorrer aos tribunais europeus.

O processo de renaturalização da ria Formosa, lançado pelo Ministério do Ambiente, através do programa Polis, prevê a demolição de um total de 800 construções nos núcleos urbanos das ilhas-barreira da Ria Formosa.

Lusa

  • Cardeal George Pell acusado de abuso sexual de menores na Austrália

    Mundo

    O cardeal George Pell, que dirige a Secretaria da Economia do Vaticano, foi hoje acusado de crimes de abuso sexual de menores na Austrália e intimado a comparecer em tribunal dentro de dias, anunciou a polícia. George Pell, o principal conselheiro financeiro do Papa Francisco e o mais alto representante da Igreja católica na Austrália, é o mais alto membro do Vaticano a ser formalmente indiciado por crimes relacionados com abuso sexual de menores.

  • "Foi o momento mais difícil da minha vida", disse a ministra emocionada
    3:24
  • A fábrica de caças na base aérea de Monte Real
    3:35

    País

    A Força Aérea portuguesa é a única força militar, para além da norte-americana, que pode mexer em praticamente todo o motor de um caça F-16. Na base aérea de Monte Real há uma fábrica de caças que pode levar o país a comprar mais aviões às peças, para revender a outras forças militares.

  • Comprar ou arrendar casa?
    8:25
  • Fui contactado por um espectador do “Contas-Poupança” (quartas-feiras, Jornal da Noite, SIC) e leitor do blogue www.contaspoupanca.pt, que foi surpreendido com uma carta do banco a aumentar o spread porque um dos serviços que tinha subscrito tinha sido extinguido. Neste caso específico, a domiciliação de ordenado. Ora, o cliente ficou estupefacto porque não mudou de empresa, não foi despedido nem tinha havido nenhuma alteração no recebimento do ordenado naquela conta.

    Pedro Andersson

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44

    Mundo

    A Ucrânia está a ser seriamente afetada por um novo ataque informático. Algumas empresas de grande dimensão estão a ser prejudicadas, agravando a dimensão global do ataque, o qual não parece ser dirigido a ninguém em concreto. Ontem, nas primeiras horas do ataque, não parava de crescer o número de vítimas.

  • Temer acusado de prejudicar Polícia Federal
    2:36
  • Violência volta às favelas do Rio de Janeiro
    3:21

    Mundo

    As favelas do Rio de Janeiro voltaram aos níveis de violência dos anos 90. A cidade de Deus foi uma das favelas pacificadas que voltou a registar tiroteios diariamente, os moradores falam de situações de trauma e do medo das crianças.

  • Trump interrompe telefonema para elogiar jornalista

    Mundo

    A jornalista irlandesa Caitriona Perry viu-se esta terça-feira envolvida num momento que a própria classificou de "bizarro": um encontro inesperado com Donald Trump, que interrompeu um telefonema com o primeiro-ministro irlandês para... a elogiar.

    SIC

  • Caricaturas de Trump invadem capital do Irão

    Mundo

    O Irão está a organizar um concurso internacional de caricaturas do Presidente norte-americano Donald Trump. Pelas ruas de Teerão já vão surgindo algumas imagens alusivas ao festival que vai realizar-se no próximo mês de julho.

  • Companhia aérea obriga deficiente físico a entrar no avião sem ajuda

    Mundo

    Um homem com uma deficiência física que o obriga a andar numa cadeira de rodas foi obrigado a subir sozinho as escadas de um avião da companhia aérea Vanilla Air. Hideto Kijima deparou-se com a situação quando estava a embarcar da ilha de Amami para Osaka, no Japão, com vários amigos que foram proibidos de o ajudar.

  • De onde vem o dinheiro de Isabel II?

    Mundo

    A rainha Isabel II vai ser aumentada - pelo exercício das suas funções -, em 2018, para 82,2 milhões de libras (93,5 milhões de euros). Este valor é pago pelo Estado britânico. Contudo, esta não é a única fonte de rendimento da rainha de Inglaterra. Isabel II também recebe pelas terras, casas e empresas que tem espalhadas pelo Reino Unido.

  • Cão corre os EUA a entregar águas aos árbitros em jogos de basebol
    0:20