sicnot

Perfil

País

Ministério Público vai investigar praxe violenta no Algarve

O Ministério Público vai instaurar um inquérito ao caso da praxe violenta que levou uma jovem ao hospital, no Algarve. A aluna, caloira da Universidade do Algarve, foi enterrada na areia e obrigada a beber álcool até ficar inconsciente.

A Polícia Marítima já identificou 20 pessoas que terão estado envolvidas na praxe.

O Ministério da Educação pediu esclarecimentos sobre o caso e exige uma resposta rápida ao reitor da universidade algarvia.

A instituição de ensino superior também já instaurou um processo de averiguações e promete punir os responsáveis.

  • Colisão mortal no IC1 perto da Marateca
    1:51
  • Portugal e Espanha empatados em tudo... menos nos amarelos
    1:42
  • Fase de grupos é o "momento mais crítico", diz Fernando Santos
    0:21