sicnot

Perfil

País

Segunda-feira vai "madrugar" com Super Lua e eclipse total da Lua

A Lua vai estar, na madrugada de segunda-feira, aparentemente maior e tapada pela sombra da Terra: será a segunda Super Lua, e a mais expressiva, do ano e o segundo e último eclipse total da Lua do ano.

Reuters

Se as condições do céu ajudarem, o eclipse total da Lua será visível na Europa Ocidental, incluindo Portugal, bem como na África Ocidental, América do Sul e Central e leste da América do Norte.

O eclipse da Lua ocorre sempre que o Sol, a Terra e a Lua se encontram próximos ou em perfeito alinhamento, com a Terra a estar entre o Sol e a Lua.

O de segunda-feira será total porque toda a face visível da Lua é obscurecida pela sombra da Terra (umbra).

O eclipse lunar só sucede quando coincidem a fase de Lua cheia e a passagem do satélite natural da Terra pelo seu nodo orbital. O primeiro eclipse total da Lua de 2015 foi em abril, mas não foi visível em Portugal.

Na segunda-feira, a Lua entra na sombra às 02:07 (hora de Lisboa) e sai dela às 05:25, com o eclipse a estar a meio às 03:47.

A Super Lua, tal como os eclipses, é um fenómeno que acontece praticamente todos os anos, mais do que uma vez, e quando há Lua cheia e a diferença entre os seus instantes e os do perigeu (ponto da órbita da Lua que fica mais perto da Terra) é inferior a um dia e oito horas.

No caso da Super Lua de segunda-feira, é a "mais favorável" para ser observada, de acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa (OAL), contrariamente à de 29 de agosto e à de 27 de outubro, a terceira e última deste ano.

Na altura do eclipse, a Lua atingirá o perigeu, a 356.876 quilómetros da Terra, às 02:46 e entrará na fase de Lua cheia às 03:52, "o que vai produzir a maior das Super Luas do ano", uma vez que a distância que separa os instantes do perigeu e de Lua cheia é mais curta, de 66 minutos, assinala o OAL no seu portal.

Segundo o Observatório, a altura em que "o efeito da Super Lua é mais evidente é quando a Lua nasce", quando aparece no horizonte, às 19:50.

Nesse momento, "a Lua vai parecer maior do que o habitual, não apenas devido à ocorrência de Super Lua, mas também porque, estando próxima do horizonte, ocorre um efeito extra de ampliação, devido a interpretação cerebral" do observador, adianta o OAL.

A Lua cheia surge quando há um alinhamento do tipo Sol-Terra-Lua.

Lusa

  • Candidato vencedor nas eleições do Alabama considera que ganhou a "dignidade"
    0:42
  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.