sicnot

Perfil

País

PJ apreende 7,5 kgs de cocaína e desmantela laboratório perto de Lisboa

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu 7,5 quilos de cocaína, deteve quatro pessoas e desmantelou um laboratório de extração de cocaína dissimulada em garrafas de cachaça, informou hoje a PJ.

© Carlos Jasso / Reuters

Este foi o primeiro laboratório do género descoberto e desmantelado em Portugal e, na Europa, há apenas registo da descoberta de um laboratório de características idênticas, em 2012, salienta a PJ.

Segundo a Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE) da PJ, o laboratório encontrava-se instalado numa moradia, localizada numa zona balnear perto de Lisboa, nela se processando a extração do cloridrato de cocaína que se encontrava dissolvido em garrafas de cachaça importadas do Brasil.

Trata-se de um processo de grande complexidade, exigindo, para além de meios técnicos adequados, especiais conhecimentos de química, tendo, pela primeira vez, sido apreendidos documentos com informação detalhada sobre o modo de efetuar tal extração, adianta a PJ.

Na operação foram apreendidos cerca de 7,5 quilos de cocaína pronta a comercializar, bem como produtos de corte, percursores, todo o equipamento necessário ao processo químico de extração do cloridrato de cocaína e a sua preparação para venda no mercado ilícito de estupefacientes, e, ainda, uma viatura topo de gama.

Estima-se que a intervenção da PJ evitou que fossem extraídos cerca de 40 a 50 quilos de cloridrato de cocaína de elevado grau de pureza, pronto a comercializar.

As investigações começaram no início de 2015, em colaboração com as autoridades brasileiras, o que permitiu localizar e desmantelar o laboratório, tendo sido detidos quatro homens, dois de nacionalidade portuguesa e dois estrangeiros.

Os quatro detidos, com idades entre os 32 e os 48 anos, foram submetidos a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Entretanto, a vertente da organização criminosa que operava no Brasil foi igualmentente desmantelada, também numa operação desencadeada esta semana pela Polícia Federal brasileira, denominada Operação Cardume.

Na Operação Cardume foram cumpridos 28 mandados de prisão, realizadas 47 buscas e apreendidos numerosos bens móveis e imóveis, bem como contas bancárias, algumas tituladas por cidadãos de nacionalidade portuguesa.

Lusa

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.