sicnot

Perfil

País

Pessoas retiradas de casa devido a fogo em Monchique

Várias pessoas estão a ser retiradas das suas casas, por precaução, na sequência do incêndio que desde o início da tarde desta quinta-feira lavra em Monchique, disse à Lusa o presidente da autarquia, Rui André.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

Em declarações à Lusa, o autarca adiantou que as pessoas, cujo número não conseguiu especificar, estão a ser retiradas "por questões de segurança", apesar de não existir, por enquanto, uma ameaça real de que o fogo atinja aquelas habitações.

De acordo com fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, a combater o fogo, que às 17:00 se mantinha ativo em três frentes, estão 174 operacionais, de todas as corporações de bombeiros da região, apoiados por cinco meios aéreos.

O incêndio deflagrou hoje ao início da tarde no sítio do Tojeiro, na freguesia de Marmelete, Monchique, numa zona de mato e eucaliptos.

Segundo Rui André, as chamas dirigem-se para várias zonas, mas os bombeiros estão a incidir o combate na zona norte, local onde existem mais habitações.

O posto de comando para a coordenação das operações está instalado junto ao autódromo internacional do Algarve.

Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.