sicnot

Perfil

País

Um bombeiro ferido sem gravidade e viatura destruída no incêndio em Monchique

O incêndio em mato que deflagrou hoje em Tojeiro, Monchique, provocou ferimentos ligeiros num bombeiro e destruiu uma viatura dos bombeiros de Lagoa, informou a Proteção Civil.

(Arquivo)

(Arquivo)

LU\303\215S FORRA

Um carro dos bombeiros de Lagoa ardeu, depois de ter resvalado, tendo sido impossível retirar o veículo do local, não se registando ferimentos nos seus ocupantes, disse Abel Gomes, o comandante distrital da Proteção Civil do Algarve.

Segundo Abel Gomes, que falava num briefing conjunto com o presidente da Câmara de Monchique aos jornalistas, há ainda a registar ferimentos ligeiros num bombeiro durante o combate às chamas.

O comandante distrital da Proteção Civil do Algarve disse também aos jornalistas que o fogo está "controlado, prevendo-se que a sua extinção possa ocorrer durante a noite".

Abel Gomes crê que as condições meteorológicas durante a noite "possam ajudar no combate às chamas e à sua extinção, uma vez que se registam apenas pequenos focos de incêndio em zonas de difícil acesso".

O comandante acrescentou que continuam envolvidos no combate às chamas 15 corporações de bombeiros do Algarve com o apoio de quatro máquinas de rastro e também uma equipa especial de intervenção dos bombeiros.

Segundo a página na Internet da Autoridade da Nacional da Proteção Civil, no combate ao fogo, cujo alerta foi dado às 12:32, estão envolvidos 244 operacionais, apoiados por 83 meios terrestres.

O presidente da Câmara de Monchique, Rui André, informou que as pessoas que tinham sido retiradas durante a tarde das suas casas devido ao intenso fumo já regressaram.

"As 10 pessoas que foram retiradas por precaução devido ao intenso fumo já voltaram às suas casas e não há qualquer perigo para a sua permanência nas habitações", disse o autarca.

O autarca assegurou que não ardeu nenhuma habitação e que os bombeiros têm assegurado que o fogo não atinja as casas.

Lusa

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois do tribunal ter desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17
  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31