sicnot

Perfil

País

Marinha vai fazer "análise interna" à operação de socorro na Figueira da Foz

A Autoridade Marítima vai fazer uma análise interna à operação de busca e salvamento no naufrágio de um arrastão na Figueira da Foz, disse hoje fonte daquela entidade.

PAULO NOVAIS

"Nós temos uma análise interna muito rigorosa para analisar o procedimento do empenhamento operacional e a forma como a operação foi realizada. Porque isso para nós funciona, também, como lições aprendidas", disse à agência Lusa Nuno Leitão, porta-voz da Autoridade Marítima.

Frisando que a busca e salvamento "não é uma ciência exata", Nuno Leitão afirmou que um dos objetivos da análise interna é "poder observar os procedimentos que foram adotados e avaliar o correto processo em termos de operação".

O responsável da Autoridade Marítima assumiu que se na análise que for feita forem detetadas falhas "serão imputadas responsabilidades" e a Marinha possui "processos internos" para o fazer.

Nuno Leitão assumiu ainda que da mesma maneira que poderão existir falhas, também existem operacionais que poderão vir a ser louvados na atuação.

Sobre o desempenho do agente da Polícia Marítima que, apesar de estar de folga, tripulou uma moto de água e salvou dois dos sete tripulantes do arrastão naufragado, Nuno Leitão, frisou que "arriscou a sua própria vida de uma forma calculada, ponderada, mas conseguiu salvar duas pessoas".

"Podem [os críticos da atuação da Autoridade Marítima] estar a olhar para as falhas, mas devem sim estar a olhar para os sucessos", advogou.

Nuno Leitão disse ainda que Portugal "é um dos países do mundo com melhor taxa de sucesso" nas operações de busca e salvamento: "Andamos nos 98% de sucesso, os Estados Unidos têm menor taxa do que nós".

O naufrágio ocorrido na terça-feira provocou uma morte, havendo ainda quatro pescadores desaparecidos. Foram resgatadas duas pessoas com vida e as buscas no local estão a decorrer através de meios marítimos, terrestre e um helicóptero.

Lusa

  • O insólito cartão amarelo mostrado a Felipe

    Desporto

    Aos 53 minutos do jogo desta quarta-feira entre o Sporting e o FC Porto, a contar para a Taça de Portugal, Jorge Sousa apercebe-se que Felipe enganou-se na camisola que vestiu ao intervalo. O defesa central reentrou com a camisola de Soares. O árbitro mostrou o cartão amarelo e mandou o jogador para o banco trocar de camisola.

  • Dez feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    Uma embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia. O barco foi entretanto retirado da água e a marginal continua cortada ao trânsito.

  • PS apresenta Lei de Bases da Habitação para abrir debate sobre habitação acessível
    1:19

    Economia

    O PS quer avançar com uma Lei de Bases da Habitação. A proposta apresentada esta quinta-feira propõe a requisição de casas devolutas para habitação e apoios concretos para o arrendamento a preços acessíveis. O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é tempo de abrir um debate sobre a habitação que acredita que pode resultar numa Lei ainda na atual legislatura.

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.