sicnot

Perfil

País

Armando Vara deixa prisão domiciliária depois de pagar caução de 300 mil euros

A Procuradoria-Geral da República confirmou que Armando Vara vai deixar de estar em prisão domiciliária a troco do pagamento de uma caução de 300 mil euros.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

Arguido na Operação Marquês, suspeito de corrupção passiva, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais, Armando Vara deixa de ter vigilância eletrónica mas continua proibido de manter contato com os outros arguidos e de sair do país.

A decisão do juiz Carlos Alexandre foi tomada hoje, a poucos dias da revisão da medida de coação.

  • Governo quer reduzir gastos com papel na função pública
    1:08

    Economia

    O Governo proibiu a livre utilização das impressoras pelos funcionários públicos. O ministro das Finanças quer assim reduzir em 20% a despesa em consumo de papel e, ao mesmo tempo, minimizar a perigosidades dos resíduos produzidos com as impressoras, no Estado.