sicnot

Perfil

País

Curso de Medicina ficou com duas vagas por preencher

Ao fim de três fases de colocação no Ensino Superior sobraram este ano duas vagas em Medicina, o curso em que é mais difícil de entrar em Portugal, devido à elevada média de candidatura.

© Marcelo del Pozo / Reuters

De acordo com os dados divulgados hoje pela Direção-Geral do Ensino Superior (DGES), uma vaga no curso de Medicina na Universidade Lisboa e outra na Universidade Nova de Lisboa, levadas a concurso na 3.ª fase, ficaram por preencher.

As vagas em questão são de recolocação, ou seja, lugares que ficaram disponíveis depois de os estudantes que as ocupavam se terem candidatado e conseguido, uma nova colocação na 3.ª fase, ou seja, por terem conseguido mudar de curso.

Em Medicina houve apenas um colocado na 3.ª fase, no curso da Universidade do Minho, com uma nota de entrada de 18,65 valores, a média mais alta da última fase do concurso nacional.

Gestão, na Faculdade de Economia da Universidade do Porto; Pintura, na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, Engenharia Biomédica, no Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa, e o curso preparatório para o mestrado integrado em Medicina da Universidade dos Açores foram os únicos que registaram entradas na 3.ª fase com notas médias superiores a 18 valores.

Oito licenciaturas, em universidades e politécnicos, registaram notas de entrada entre os 9,5 e 9,9 valores, consideradas positivas por arredondamento.

Dos mais de mil cursos, 373 deixaram vagas por preencher. Entre esses 187 não tiveram qualquer candidato.

Dos 4.355 candidatos a um lugar na 3.ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, 1.629 estudantes conseguiram uma colocação nas universidades e politécnicos públicos, que contam este ano com quase 45 mil novos alunos.

Lusa

  • Bruno de Carvalho suspenso por mais 90 dias

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, foi suspenso por 90 dias na sequência de declarações proferidas numa entrevista televisiva em março, anunciou esta terça-feira o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

  • Benfica critica castigo de Samaris e vai recorrer

    Desporto

    O Benfica reagiu esta terça-feira ao castigo de três jogos aplicado ao grego Andreas Samaris, considerando que a decisão, da qual vai recorrer, é prova de que o futebol português está "entregue à instabilidade, à incoerência e à insegurança".

  • "Álvaro" viveu seis anos de maus tratos num casamento de oito
    5:06
  • Governo disposto a ceder a algumas reivindicações dos enfermeiros
    1:58

    Economia

    Os enfermeiros ameaçam voltar à greve se o Governo não lhes der um subsídio no valor de 400 euros. Esta terça-feira o Governo esteve reunido com dois dos quatro sindicatos. O Ministério diz estar disposto a ceder a algumas reivindicações, mas o ministro da Saúde fez saber que o aumento de 400 euros é incomportável. 

  • Como fazer fotos e vídeos menos tremidos
    8:43
  • Viajar a 110 km/h agarrado ao para-brisas de um comboio

    Mundo

    Um homem de 23 anos foi detido por viajar preso a um comboio - mais concretamente ao limpa para-brisas -, que atinge velocidades perto dos 110 quilómetros por hora, numa viagem entre as estações de Leederville e Glendalough, na Austrália.

  • Rapper quer provar que a terra é plana

    Mundo

    O rapper B.o.B. lançou uma campanha na plataforma GoFundMe para enviar satélites que possam comprovar que a Terra é redonda e azul. No ano passado, o norte-americano defendeu nas redes sociais que o planeta é plano.