sicnot

Perfil

País

Encontrados dois corpos dentro do arrastão que naufragou na Figueira da Foz

A equipa da Marinha que vai tentar virar o arrastão naufragado à entrada do Porto da Figueira da Foz está desde esta manhã no local, avançou o comandante Nuno Leitão, que espera que a operação fique concluída hoje. No decorrer dos trabalhos, foram localizados dois corpos no interior da embarcação.

PAULO NOVAIS/ LUSA

Os corpos de dois dos quatro pescadores que estavam desaparecidos após o naufrágio de terça-feira na Figueira da Foz foram hoje encontrados por mergulhadores dentro do arrastão que virou, disse o porta-voz da Autoridade Marítima, Nuno Leitão.

"Aquilo que se pode confirmar, depois de uma operação muito complicada de remoção de destroços e de artes de pesca na envolvência da casa do lema do arrastão, é que se conseguiu entrar, a visibilidade é totalmente nula, mas já se conseguiu recuperar duas vítimas que estavam no interior", disse aos jornalistas Nuno Leitão.

A Autoridade Marítima disse ainda que as duas vítimas que ainda se encontram desaparecidas poderão estar no interior do navio.

As duas vítimas foram encontradas na zona da ponte do navio e as buscas decorrem no resto da embarcação: "A visibilidade é completamente nula, são buscas por palpação, são buscas complicadas porque é uma embarcação que está virada ao contrário, tem todos os utensílios com flutuabilidade positiva soltos, roupas, colchões. Por isso, é uma operação muito complicada", frisou Nuno Leitão.

O naufrágio provocou três mortos, dois corpos continuam desaparecidos e há ainda a registar o salvamento de dois pescadores.

Lusa

  • Europol deteve grupo que vendia euros falsos na Darkweb

    Mundo

    A Europol anunciou hoje a detenção de oito pessoas suspeitas de pertencerem a um grupo criminoso considerado como um dos maiores fornecedores de euros falsos vendidos online, no âmbito de uma operação realizada pelas autoridades italianas.