sicnot

Perfil

País

Suspeita de exposição a químicos encerra pavilhão da Faculdade de Farmácia de Lisboa

Um pavilhão da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa está encerrado desde quarta-feira, devido a sintomas em alunos, funcionários e professores, que podem ter origem na exposição a químicos, resultante de uma recolha recente de resíduos.

"A situação está neste momento a ser monitorizada. Houve uma recolha de resíduos numa cave do edifício, por uma empresa especializada e, após a recolha dos resíduos, houve uma aluna de doutoramento, alguns professores e uma funcionária que apresentaram alguns sinais que, eventualmente, poderão estar relacionados com a exposição a químicos", disse à Lusa a diretora da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa (FFUL), Matilde Castro.

De acordo com a diretora da instituição, cinco pessoas terão apresentado sintomas como tonturas, náuseas e erupções cutâneas, e, "por uma questão de segurança", o pavilhão vai permanecer encerrado "até que seja monitorizada, de uma maneira oficial, a qualidade do ar e a limpeza do espaço de químicos da cave onde os reagentes estavam armazenados".

A recolha de resíduos foi feita a 28 de setembro e os sintomas surgiram no final da semana passada e início desta.

"Não há nenhuma relação causa/efeito completamente estabelecida, mas, como houve dúvidas, por uma questão de precaução, o edifício foi encerrado e só voltará a ser reaberto quando houver a certeza absoluta de que está tudo em condições", disse Matilde Castro.

A faculdade espera ter os primeiros resultados de análises no sábado e, com base neles, decidir de que forma podem ser minimizados os impactos nas aulas dos alunos e no trabalho dos investigadores de doutoramento, sendo que estes últimos já foram transferidos para instalações da FFUL no campus do Lumiar.

Lusa

  • Centro comercial em Manchester evacuado

    Mundo

    Um centro comercial foi evacuado esta manhã, no centro de Manchester. Testemunhas dizem ter ouvido um "grande estrondo". O incidente acontece horas depois do ataque na Manchester Arena, no final da atuação da cantora Ariana Grande, no qual morreram pelo menos 22 pessoas. O espaço comercial em Manchester foi entretanto reaberto. A polícia começou a retirar o cordão de segurança, pouco tempo depois de ser dado o alerta. Uma pessoa foi detida.

  • Dois em cada três idosos em Portugal são sedentários

    País

    É a camada da população mais inativa e com comportamentos que revelam um estilo de vida menos saudável, segundo um estudo divulgado hoje, que analisou os dados de mais de 10.600 portugueses representativos da população, entre os quais mais de 2.300 pessoas com mais de 65 anos.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.