sicnot

Perfil

País

Buscas de mergulhadores supensas até às 14:00 na Figueira da Foz

As buscas no interior do arrastão Olívia Ribau foram suspensas às 09:30, devido às correntes que se fazem sentir no rio Mondego e ao agravamento das condições climatéricas, e serão retomadas às 14:00, com a preia-mar.

PAULO NOVAIS

"A vaga passa por cima do arrastão, tivemos que parar com as buscas. Já não temos estofo da maré, está a correr muito mar naquela zona", disse à agência Lusa Nuno Leitão, porta-voz da Autoridade Marítima.

No entanto, uma embarcação dos pilotos do porto da Figueira da Foz, equipada com sonar lateral da Marinha, está a fazer o "varrimento lateral" da zona do naufrágio, realizando uma espécie de radiografia do fundo do rio, "permitindo identificar possíveis ecos suscetíveis de serem redes, para [os mergulhadores] poderem vistoria-las para ver se não está lá ninguém emaranhado", explicou, aludindo ao corpo do pescador que ainda se encontra desaparecido.

Nuno Leitão disse ainda que a operação realizada na madrugada de hoje para tentar puxar o arrastão mais para o interior do rio, na zona da raiz do molhe sul, junto à praia do Cabedelinho, "para que as condições de mau tempo não se fizessem sentir tanto na embarcação", só permitiu movê-la cerca de 20 metros.

Cerca das 19:30 de sexta-feira foi encontrado, no interior do arrastão, o corpo de um dos pescadores que ainda estava desaparecido. Residente na Praia de Mira, o homem, de 44 anos, era o cozinheiro da embarcação.

Na terça-feira tinha já sido encontrado um corpo e na quinta-feira mais dois. Dois outros pescadores foram resgatados vivos na terça-feira, dia do naufrágio.

No arrastão Olívia Ribau naufragado na terça-feira passada, cerca das 19:15, à entrada do porto da Figueira da Foz, seguiam sete pescadores.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.