sicnot

Perfil

País

IPMA aumenta para sete os distritos sob aviso amarelo devido à chuva

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) aumentou para sete os distritos portugueses sob aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, devido à previsão de chuva forte, por vezes acompanhada de trovoada.

Reuters

O instituto juntou o distrito de Viseu aos de Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Portalegre e Santarém, colocando-os sob aviso amarelo até às 21:00 de hoje, devido à previsão de chuva ou aguaceiros, que serão por vezes fortes.

De acordo com o IPMA, o aviso amarelo é o segundo menos grave de uma escala de quatro e refere-se a uma "situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica".

Os efeitos da tempestade causada pelo furacão Joaquin vão continuar a sentir-se até terça-feira, embora com diminuição de intensidade.

A depressão pós-tropical corresponde a uma fase posterior da evolução do furacão Joaquin e, por isso, já não apresenta características de severidade meteorológica tipicamente associadas aos ciclones tropicais na categoria de furacão.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje céu geralmente muito nublado, com períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes e possibilidade de ocorrência de trovoada.

O vento tende a soprar fraco a moderado (10 a 30 km/h) do quadrante sul, soprando do quadrante leste nas regiões Norte e Centro e sendo temporariamente moderado a forte (30 a 40 km/h) nas terras altas.

O IPMA prevê uma pequena subida da temperatura máxima no litoral da região Norte.

Para a Madeira, o instituto prevê também períodos de céu muito nublado, com aguaceiros em geral fracos, em especial nas vertentes norte e nas terras altas, enquanto o vento fraco a moderado do quadrante norte.

Já nos Açores, e nas ilhas do grupo ocidental, Corvo e Flores, estão previstos períodos de céu muito nublado, tornando-se encoberto, com aguaceiros fracos a partir do fim da tarde e o vento a soprar de sueste fresco com rajadas até 50 km/h, rodando para sul.

No grupo central (composto pelas ilhas da Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial) e oriental (São Miguel e Santa Maria) são esperados períodos de céu muito nublado com abertas, vento sueste bonançoso a moderado -- no grupo central -- e vento leste bonançoso, rodando para sueste, no grupo oriental.

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de quatro anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.