sicnot

Perfil

País

GNR fiscaliza uso do cinto de segurança e telemóvel na condução amanhã

A GNR anunciou hoje que vai intensificar, na quarta-feira, em todo o país, a fiscalização ao uso do cinto de segurança, das cadeirinhas para crianças e utilização do telemóvel durante a condução.

© STR New / Reuters

Segundo a Guarda Nacional Republicana, para a operação, denominada "Anjo da Guarda", vão estar mobilizados militares dos comandos territoriais e da Unid ade Nacional de Trânsito.

As ações de fiscalização vão estar direcionadas para as vias situadas no interior das localidades, estradas nacionais, regionais e municipais onde estas infrações são mais frequentes, refere a GNR, em comunicado.

A GNR registou este ano 22.864 infrações por uso do telemóvel durante a condução, 24.664 por incorreta ou não utilização do cinto de segurança e 1.764 relacionados com as cadeirinhas para crianças.

Perante estes números, a GNR sublinha que vai realizar este ano diversas "operações de cariz preventivo, com o objetivo de alertar os condutores para os riscos associados a estas infrações, principalmente da incorreta ou não utilização do cinto de segurança ou cadeirinha para crianças, que estão associadas às principais causas de agravamento das lesões provocadas em caso de acidente".

Lusa

  • Paulo Macedo pede calma para o bem do banco
    1:45

    Caso CGD

    Paulo Macedo falou pela primeira vez desde que foi eleito o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos e, para o bem do banco público, pediu calma a todos. Passos Coelho veio dizer que a recapitalização da Caixa pode ter de ser feita no verão do próximo ano para salvaguardar o défice deste ano. Já António Costa preferiu não comentar as declarações de Passos e diz que o banco público há muito que precisava de ser recapitalizado.

  • O que aconteceu à menina síria que relatava a guerra no Twitter?
    1:59
  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados". Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.